MENU

Lentes de contato inteligentes monitoram pressão dos olhos

Lentes de contato inteligentes monitoram pressão dos olhos

Atualizado: Terça-feira, 5 Agosto de 2008 as 12

Um novo material, desenvolvido na Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, vai permitir a construção de lentes de contato inteligentes, dotadas de sensores e circuitos eletrônicos capazes de medir a pressão intra-ocular e, no futuro, até aplicar medicamentos nos olhos de forma automática.

Tingrui Pan e seu colega Hailin Cong começaram com um material sintético chamado PDMS (polidimetilsiloxano). Eles desenvolveram uma técnica que permite a inserção de micropartículas de prata em padrões bem definidos e precisos, criando fios condutores.

Além de permitir a transmissão de eletricidade para os circuitos, os fios de prata também têm propriedades antimicrobianas bem conhecidas.

A técnica permite a deposição dos fios em formatos não-planos, como na superfície de uma lente de contato. O experimento demonstrou que os microfios, que não atrapalham a visão, por serem finos demais, funcionam como um sensor de pressão.

O aumento da pressão intra-ocular é um dos traços marcantes do glaucoma, uma das maiores causas da cegueira em todo o mundo.

Uma lente de contato que tenha uma "inteligência eletrônica" poderá monitorar continuamente a pressão no interior do olho e transmitir esses dados para um computador próximo.

No futuro, essas lentes de contato inteligentes poderão não apenas facilitar o diagnóstico médico, como permitir que os próprios pacientes monitorem a saúde de seus olhos em casa, procurando o profissional de saúde apenas quando soar o alarme.

Agora os cientistas estão aguardando a aprovação das autoridades de saúde para começar os testes das lentes de contato inteligentes em humanos. Por enquanto elas somente foram avaliadas em animais, sem apresentar qualquer efeito colateral.

veja também