MENU

Nasa capta imagem de colisão rara de asteróides

Nasa capta imagem de colisão rara de asteróides

Atualizado: Quarta-feira, 3 Fevereiro de 2010 as 12

O objecto, chamado P/2010 A2, foi descoberto no chamado cinturão de asteróides que fica entre Marte e Júpiter. Os investigadores já imaginavam que o fenómeno fosse comum nessa região do espaço, mas jamais viram isso acontecer. O P/2010 A2 estaria a uma distância de 144 milhões de quilómetros da Terra quando foi fotografado pelo Hubble, em Janeiro. Segundo a Nasa, colisões de asteróides libertam muita energia, com um impacto que ocorre a uma velocidade que é cinco vezes maior do que a de uma bala. Os astrónomos dizem que a órbita do P/2010 A2 pode indicar que pertence a um grupo de asteróides que seriam fragmentos resultantes de uma colisão ocorrida há mais de 100 milhões de anos. Um fragmento daquele fenómeno pode ter atingido a Terra há 65 milhões de anos, levando à extinção em massa de dinossauros.

veja também