MENU

Nokia adota sistema operacional para smartphones da Microsoft

Nokia adota sistema operacional para smartphones da Microsoft

Atualizado: Sexta-feira, 11 Fevereiro de 2011 as 11:18

A Nokia, maior fabricante de celulares do mundo, anunciou nesta sexta-feira (11) que irá abandonar o seu sistema operacional para smartphones para adotar o software da Microsoft, em uma aliança destinada a reforçar a presença de ambas as empresas no mercado de celulares.

A companhia finlandesa revelou que adotará o Windows Phone como principal sistema operacional e deixará em segundo plano o MeeGo, sua plataforma própria. A parceria estratégica entre Nokia e Microsoft tenta recuperar a parcela de mercado conquistada pelos concorrentes Google e Apple.

"Nokia e Microsoft irão unir forças para entregar um ecossistema móvel sem concorrentes, com escala global. Agora, é uma corrida com três cavalos no páreo", afirmou Stephen Elop, ex-executivo da Microsoft que foi contratado pela Nokia em setembro de 2010. As fabricantes afirmaram que 2011 e 2012 serão os anos de transição para a construção da parceria.

Parceria

Além de adotar o Windows Phone como principal plataforma, a Nokia irá contribuir para o futuro do sistema operacional da Microsoft. O Bing será utilizado em ferramentas e serviços da Nokia e a parceria tornará o “Nokia Mapas” o principal serviço de mapas da Microsoft.

Segundo o comunicado, a extensa lista de acordos que a Nokia tem com operadoras irá facilitar o acesso dos consumidores aos serviços do Windows Phone em locais onde o uso de cartão de crédito ainda é pequeno. Outra novidade é a integração da loja de aplicativos e conteúdos da Nokia ao Microsoft Marketplace.     “A Nokia está em um momento crítico. Uma mudança significativa é necessária e inevitável em nosso caminho”, disse Elop em um comunicado. “Hoje, estamos acelerando a mudança por meio de um novo caminho, destinado a recuperar a nossa liderança no mercado de smartphones, reforçando a nossa plataforma de dispositivos móveis e realizando investimentos para o futuro”, completou.

A ação da Nokia registrava queda de 10% nos primeiros minutos da sessão desta sexta-feira (11) da Bolsa de Helsinque, após o anúncio da nova estratégia com a Microsoft.    

veja também