MENU

Notebook resistente a pisada de Elefante chega ao Brasil por R$ 10 mil

Notebook resistente a pisada de Elefante chega ao Brasil por R$ 10 mil

Atualizado: Quarta-feira, 8 Dezembro de 2010 as 1:11

A Panasonic apresentou nesta terça-feira (7) sua linha de computadores portáteis robustecidos e iníciou as operações do segmento no Brasil.

A empresa pretende desenvolver e atender um nicho de mercado pouco explorado no País. São clientes que usam notebooks em obras de infraestrutura, plataformas de petróleo, indústria pesadas e serviços de segurança pública que precisam de um equipamento bastante resistente.

O foco inicial da Panasonic será na formação da estrutura de vendas, que reúne distribuidor especializado, revendas e integradores de soluções. Há uma preocupação em fornecer, também, um forte suporte pós-venda e assistência técnica "on-site".

Os notebooks da linha Toughbook que estão disponíveis no Brasil são voltados a quatro principais necessidades: totalmente robustos; uso em áreas restritas; semirrobustos e os robustecidos. Confira o vídeo com tigre e elefante testando a resistência do produto .   Totalmente robustos

Os equipamentos desta categoria atendem às normas miliatres (MIL-810-G) e  são classificados de acordo com os padrões internacionais de proteção contra entrada (IP) .

Os modelos que ganharam essa classificação foram o Toughbook 19 , U1 Ultra e o Toughbook 31 . Este com proteção contra choques e quedas de até 1,80m, webcam integrada, tela de 13,1 polegadas sensível ao toque, processador Intel i3 ou i5, Windows 7, memória RAM mínima de 2 GB, disco rígido de 160 GB ou 250 GB montado sobre amortecedores e com desengate rápido (SSD de 256 GB é opcional)  e bateria com até 11 horas de duração.   Robustecido

Na linha H1 , tablet robustecido para área médica, existem duas versões: Health , um assistente clínico móvel que projetado para atender os profissionais da área de saúde que permite a higienização do aparelho. Inclusive, vem com um software que informa qual área da tela já foi limpa e qual não e suporta quedas de até 90cm. Outro, o Field , é para uso em campo e possui duas baterias que podem ser trocadas em operação e garantem cerca de 6h em operação. Esse modelo utiliza o processador Atom Z540 da Intel, vem com 2 GB de RAM disco sólido de 64 GB numa tela de 10,4 polegadas sensível ao toque.

Semirrobusto

Nessa linha, uma alternativa mais confiável do computador de mesa, é oferecido o modelo Toughbook 52 , com configurações que vão até um processador Intel i5-540M, 8 GB de RAM, HD de 250 GB, Wi-Fi, leitor de DVD e de cartão de memória e autonomia de até 9 horas de uso com a bateria de longa duração de 7800mAh.

Fabricação

Os portáteis da linha Toughbook são totalmente desenvolvidos em fábrica própria da Panasonic em Kobe, no Japão, com certificação ISO-9001 e ISO-14001. A exceção fica para os componentes como o processador, da Intel e dos díscos rígidos, dos principais fabricantes.

Custo

Apesar de todo o revistimento que garante a robustez do aparelho, os modelos Toughbook são um dos mais leves do seu segmento e seu custo pode variar de R$ 10 mil a R$ 25 mil, de acordo com o modelo e configuração escolhidos pelo cliente. A comecialização será feita através de um distribuidor autorizado.    

veja também