MENU

Operadoras dizem que preço brasileiro da banda larga é o segundo menor na AL

Operadoras dizem que preço brasileiro da banda larga é o segundo menor na AL

Atualizado: Quarta-feira, 11 Maio de 2011 as 2:32

O diretor-executivo do Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal (SindiTelebrasil), Eduardo Levy, informou na Câmara dos Deputados que o preço médio da internet de banda larga no Brasil (28 dólares, cerca de R$ 46) é o segundo menor da América Latina.

Em audiência pública na Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática, ele afirmou que o País fica atrás apenas do México (16,2 dólares, aproximadamente R$ 27) no quesito menor preço do serviço. “O valor caiu 40% entre 2008 e 2009”, disse.

Para ele, o grande desafio é acabar com as desigualdades regionais de acesso à tecnologia. Levy defendeu a desoneração tributária do setor de telecomunicações e a utilização dos fundos setoriais para ampliar o acesso ao serviço de banda larga, especialmente nas regiões mais afastadas. Segundo o diretor, o setor já arrecadou mais de R$ 45 bilhões para os fundos, e apenas R$ 2,6 bilhões foram utilizados.

Levy também defendeu ainda a aprovação pelos parlamentares da nova lei de TV por assinatura (PL 29/07), já aprovado na Câmara e atualmente em análise no Senado, como forma de ampliar os investimentos no setor. "A liberação para as concessionárias de telefonia fixa prestarem o serviço de TV a cabo proporcionará um novo surto de investimento e de crescimento no setor", declarou.       Por Jackeline Carvalho

veja também