MENU

Rede social LinkedIn é avaliada em mais de US$ 3 bilhões

Rede social LinkedIn é avaliada em mais de US$ 3 bilhões

Atualizado: Segunda-feira, 9 Maio de 2011 as 1:03

Rede profissional LinkedIn tem 100 milhões de usuários no mundo (Foto: Divulgação)

  A LinkedIn Corp anunciou nesta segunda-feira (9) que vai vender 7,84 milhões de ações em uma oferta pública inicial (IPO, em inglês) que avalia a companhia como valendo mais de US$ 3 bilhões, segundo o preço máximo estimado na operação.

A companhia que controla a rede social de mesmo nome afirma ter cerca de 100 milhões de usuários no mundo e definiu o preço da oferta entre US$ 32 e US$ 35 a ação.

A operação tem atraído significativo interesse dos investidores uma vez que a empresa é uma das primeiras companhias de rede social a iniciar o processo de abertura de capital e venda de ações antes da aguardada oferta pública inicial do Facebook.

Na semana passada, a Renren, uma das maiores companhias de redes sociais da China, fez sua estreia em bolsa depois de um bem sucedido IPO.

A LinkedIn está oferecendo 4,8 milhões de ações e o restante está sendo vendido por um grupo de atuais acionistas da empresa.

As ações detidas pelo co-fundador e presidente do conselho da LinkedIn, Reid Hoffman, que está entre os acionistas vendendo papéis no IPO, representarão 21,7% de poder de voto depois da oferta.

Entre outros importantes acionistas estão Goldman Sachs, McGraw-Hill Companies e Bain Capital Venture Integral Investors.

Sequoia Capital, Greylock Partners e Bessemer Venture Partners, outros grandes investidores do site e detentores de cerca de 40% da companhia não vão participar da oferta inicial pública.

Em janeiro, a LinkedIn deu entrada no mercado norte-americano para fazer um IPO e levantar até US$ 175 milhões.

A empresa espera receber cerca de  US$ 146,6 milhões líquidos da venda de ações, segundo um preço de US$ 33,50 dólares.

A companhia vai negociar seus papéis na bolsa de Nova York sob o símbolo 'LNKD'.

A LinkedIn teve lucro de US$ 15,4 milhões em 2010, com receita líquida de US$ 243 milhões.        

veja também