MENU

Rede Xbox Live inicia operação no Brasil

Rede Xbox Live inicia operação no Brasil

Atualizado: Quarta-feira, 10 Novembro de 2010 as 11:34

A Microsoft iniciou nesta quarta-feira (10) as operações da rede Xbox Live no Brasil. Dessa forma, é possível criar contas para usar o serviço em território nacional.

A Xbox Live permite aos usuários do Xbox 360 jogar partidas online, comprar conteúdos extras, jogos e fazer o download de versões de demonstração dos games.

Para os usuários que já possuem contas nos servidores norte-americanos, é oferecida a comodidade de manter os pontos adquiridos no Gamerscore, assim como todos os produtos adquiridos no exterior.

A Microsoft brasileira também oferecerá incentivos aos usuários para migrarem suas contas para a Live nacional: assinantes Gold receberão 1600 Microsoft Points e usuários de contas gratuitas, receberão 800 pontos.

Nos primeiros minutos de funcionamento a Live brasileira tinha diversos itens, como "Dead Space Ignition", "Plants vs. Zombies", "DeathSpank: Thongs of Virtue" para Xbox Live Arcade, "Halo Waypoint" em Jogos sob Demanda. Em Demos, a parte mais recheada da rede, é possível encontrar diversos títulos, como "Need for Speed: Hot Pursuit", "Joy Ride", "FIFA 11" e "Pro Evolution Soccer 2011" entre os 46 disponíveis.

Entre os conteúdos extras, chamados na rede como "Complementos de Jogos", 82 itens estão disponíveis, como roupas para "Fable III", o pacote Liars and Cheaters de "Red Dead Redemption" e os pacotes de mapas e modos extras de "Medal of Honor". A rede também conta com 86 vídeos e 207 itens de avatar.

UOL Jogos preparou uma lista que visa tirar todas as dúvidas acerca da rede Xbox Live. Confira abaixo:

Quando será lançada a versão brasileira da Live?

10 de novembro.

Quais planos de assinatura estão previstas e quais os preços?

Comprando online, pela Xbox Live, os planos previstos são as assinaturas de um mês, três meses ou um ano. Já quem optar por cartões pré-pagos nas lojas, tem a opção de assinar por três meses ou um ano. Comparativamente, os cartões pré-pagos são mais caros, devido a impostos e margem de lucro.

E os preços dos créditos MS Points, que servem para comprar conteúdos da Live?

A pontuação dos cartões é diferente em relação aos Estados Unidos: no Brasil, serão vendidos cartões de 1.500 e 4.500 MS Points (nas compras online, as opções são 500, 1.000, 2.000 e 5.000 pontos). A mudança foi uma decisão da Microsoft Brasil baseada na média de consumo do brasileiro na Xbox Live. A empresa não descarta lançar outras opções de pontuação no futuro, caso sinta que há necessidade disso.

Quais meios de pagamento podem ser usados para assinar a Live brasileira (conta Ouro) e comprar conteúdo?

Cartão de crédito, para compras on-line, e os cartões pré-pagos, adquiridos no varejo.

Os cartões pré-pagos comprados nos Estados Unidos funcionam na Live brasileira?

O cartão de pontos adquirido nos Estados Unidos ou em qualquer outra região do globo não funcionará no Brasil.

Quais conteúdos estarão previstos na Live brasileira?

A Microsoft afirma que estarão disponíveis na Live nacional títulos para Live Arcade, demonstrações jogáveis e complemento de jogos (conteúdos adicionais por download), como músicas extras para "Guitar Hero" e "Rock Band".

Haverá também jogos sob demanda, um canal de venda de jogos por download, mas somente títulos para Xbox 360 estarão por aqui (ou seja, excluem-se games para o primeiro Xbox).

Os jogos de comunidade são um capítulo a parte: ainda não há previsão de tê-los, mas a Microsoft está trabalhando no assunto, até mesmo como forma de estimular a comunidade brasileira, que a empresa reconhece como sendo muito forte.

Por outro lado, não prevê músicas, filmes e séries de TV, e, dentro os serviços online, apenas o Messenger estará disponível. A companhia afirma já ter pedido integração com Twitter e Facebook, mas não estarão num primeiro momento.

Os preços dos conteúdos serão equivalentes aos praticados na Live dos EUA? Dê exemplos de preços.

O valor será proporcional àquele que foi adotado para a assinatura da Xbox Live - ou seja, R$ 89 para um valor que, reajustado recentemente, é de US$ 60. Não necessariamente será a conversão, mas um preço competitivo. A única preocupação da Microsoft é com o varejo, para que o preço praticado on-line não prejudique as vendas em lojas físicas.

O processo de aprovação dos jogos pelo Ministério da Justiça para classificação etária vai fazer com que jogos e conteúdos cheguem mais tarde ao Brasil (em comparação aos Estados Unidos)?

Não em relação aos jogos da própria Microsoft, que já se programa para evitar este tipo de transtorno. Porém, a empresa não se responsabiliza pelas "third parties" (publishers externas) e já comunicou-as quanto à necessidade de passar pelo processo e o tempo que isso envolve. De acordo com a Microsoft, não se trata de um processo complexo.

Quais as chances de desbloquearem os conteúdos que são bloqueados atualmente, como o tema Uplay de "Assassin's Creed II" e downloads de jogos com classificação etária M (acima de 17 anos) da ESRB?

Microsoft não soube responder.

Quem já tiver uma conta "americana" e migrar para o serviço nacional, como ficam o gamerscore, conquistas e créditos em MS Points e tempo restante de assinatura Ouro já adquiridos?

Informações como gamerscore e conquistas são transferidas para a conta nacional. O saldo de MS Points também é transferido, então, o que a Microsoft recomenda é usar todos os cartões pré-pagos estrangeiros que possuir, para depois fazer a migração. O tempo restante da assinatura Ouro fica valendo, ou seja, se o usuário ainda tiver seis meses para vencer a assinatura, esse período continua valendo depois da migração.

Os filmes, jogos e todo o conteúdo comprado com uma conta "estrangeira" serão mantidos na migração para a conta brasileira?

Os jogos já baixados, sim (num primeiro momento, não será possível refazer os downloads depois da migração). Mas a Microsoft não soube responder em relação aos filmes e músicas.

Haverá alguma penalidade para brasileiros que não quiserem migrar sua conta "estrangeira" para a localizada?

Não. Mas o usuário não pode contar com suporte técnico local ou eventuais recursos exclusivos, como avatares personalizados.

Haverá mudanças na qualidade da conexão ao fazer a migração da Live "estrangeira" para a local?

Não.

A "dashboard" continuará tendo propagandas? Se sim, serão as mesmas dos EUA ou será conteúdo nacional também?

Em um primeiro momento, se houver alguma propaganda serão publicidades mundiais. Em um segundo momento, a intenção da Microsoft é trazer os anunciantes brasileiros para dentro da Xbox Live.

O Game for Windows - Live também terá suporte para o português?

Sim.

Há planos de um programa de fidelidade para acúmulo de pontos (como acontece com cartões de crédito)?

Não.

veja também