MENU

Reino Unido prende cinco suspeitos de atacar sites em apoio ao WikiLeaks

Reino Unido prende cinco suspeitos de atacar sites em apoio ao WikiLeaks

Atualizado: Quinta-feira, 27 Janeiro de 2011 as 1:57

Cinco pessoas foram presas nesta quinta-feira (27) no Reino Unido acusadas de ligação com os ataques a sites em apoio ao WikiLeaks em dezembro. Segundo a polícia, cinco homens com idade entre 15 e 26 anos foram presos durante operação em diferentes regiões do Reino Unido. Três são adolescentes de 15, 16 e 19 anos. Todos foram detidos e estão sob custódia em delegacias locais.

Os cinco foram presos por suspeitas de fazerem parte do grupo conhecido como “Anonymous”, que atacou sites de empresas como MasterCard, Visa e PayPal, que suspenderam serviços ao WikiLeaks. A operação desta quinta-feira (27) faz parte de uma investigação do órgão da Polícia britânica responsável por crimes na internet, com a ajuda de agências policiais de outros países e dos Estados Unidos.     No início de dezembro, hackers atacaram sites das empresas de cartões de crédito MasterCard e Visa em retaliação ao bloqueio de doações para o site WikiLeaks. O grupo de ativistas usava o nome “Anonymous” para atacar sites de companhias que boicotavam o WikiLeaks. As páginas eram derrubadas por meio de uma série de ataques de negação de serviço (Distributed Denial of Service ou DDoS).

Em dezembro, a polícia da Holanda prendeu dois adolescentes suspeitos de envolvimento com os ataques on-line. Eles devem enfrentar julgamento ainda em 2011.    

veja também