MENU

Rock Band 3 tem preço diferenciado para músicas do modo Pro em guitarras

Rock Band 3 tem preço diferenciado para músicas do modo Pro em guitarras

Atualizado: Quinta-feira, 30 Setembro de 2010 as 11:47

John Drake, relações públicas da Harmonix, revelou durante o Penny Arcade Expo, evento realizado em setembro último nos EUA, que o download de cada canção para o modo Pro de "Rock Band 3" seria um pouco mais caro, tendo em vista que ele é "destinado a um grupo menor de jogadores". Entretanto, isso não acontecerá com todos os instrumentos, é o que a MTV Games revelou ao site IGN.

Segundo Paul DeGooyer, vice-presidente sênior de games e música da MTV, todas as músicas vendidas por download contarão com os modos Pro para os instrumentos bateria e teclado e custarão o mesmo preço que as anteriores, ou seja, cerca de US$ 2. Já os jogadores que desejam testar sua técnica na modalidade profissional da guitarra terão que desembolsar US$ 1 a mais, pois terão de adquirir esta funcionalidade separadamente.

"Caso o jogador não esteja interessado no modo Pro para a guitarra, é possível comprar o conteúdo no preço tradicional já praticado nos games anteriores, e terá o modo Pro para todos os outros instrumentos", diz DeGooyer, que revela planos para incluir esta opção para trilhas de jogos anteriores. Para isso, o estúdio ainda precisa criar um sistema que detecte os jogadores que já compraram a música no passado para então, oferecer um desconto na compra do modo Pro.

Músico Profissional

Uma das novidades de "Rock Band 3" é um controle-guitarra "profissional", com 102 botões posicionados no braço do instrumento, imitando as características de uma guitarra de verdade. Esse modelo de controle tem preço de US$ 149,99.

"Rock Band 3" também aceita um controle de teclado, que custa US$ 79,99 avulso ou US$ 129,99 com o jogo. O periférico possui 25 teclas, e pode ser usado tanto colocado numa mesa, ou empunhado como uma guitarra, ao melhor estilo "keytar". Ambos os instrumentos funcionam como periféricos MIDI, ou seja, tem compatibilidade com equipamentos e softwares que usam esse padrão.

A Fender lançará guitarra especial que pode ser usada com "Rock Band 3". Esse Squier Stratocaster, que funciona como uma guitarra de verdade, possui tecnologia que identifica onde está o dedo do jogador no braço, e também quais cordas foram tocadas.

O disco de "Rock Band 3" traz 83 novas músicas (25 na edição para Nintendo DS), entre elas "Bohemian Rhapsody" do Queen, "Plush" do Stone Temple Pilots e a estreia da banda The Doors em um "Rock Band", com a clássica "Break On Through". Os controles-instrumentos dos jogos anteriores funcionam em "Rock Band 3", mas para aproveitar ao máximo a experiência do modo Rock Band Pro, é preciso utilizar os novos periféricos.

A produtora também anunciou a inclusão de um modo chamado Road Challenges (desafios de estrada). A modalidade é descrita como uma série de "apresentações em uma variedade de localidades e pontos de encontro", simulando shows em bares e clubes. Há 10 desafios nessa opção, que podem durar 30 minutos ou três horas.

A terceira edição canônica do simulador musical sai em 26 de outubro, com edições para Xbox 360, PlayStation 3, Wii e Nintendo DS.       Postado por: Guilherme Pilão

John Drake, relações públicas da Harmonix, revelou durante o Penny Arcade Expo, evento realizado em setembro último nos EUA, que o download de cada canção para o modo Pro de "Rock Band 3" seria um pouco mais caro, tendo em vista que ele é "destinado a um grupo menor de jogadores". Entretanto, isso não acontecerá com todos os instrumentos, é o que a MTV Games revelou ao site IGN.

Segundo Paul DeGooyer, vice-presidente sênior de games e música da MTV, todas as músicas vendidas por download contarão com os modos Pro para os instrumentos bateria e teclado e custarão o mesmo preço que as anteriores, ou seja, cerca de US$ 2. Já os jogadores que desejam testar sua técnica na modalidade profissional da guitarra terão que desembolsar US$ 1 a mais, pois terão de adquirir esta funcionalidade separadamente.

"Caso o jogador não esteja interessado no modo Pro para a guitarra, é possível comprar o conteúdo no preço tradicional já praticado nos games anteriores, e terá o modo Pro para todos os outros instrumentos", diz DeGooyer, que revela planos para incluir esta opção para trilhas de jogos anteriores. Para isso, o estúdio ainda precisa criar um sistema que detecte os jogadores que já compraram a música no passado para então, oferecer um desconto na compra do modo Pro.

Músico Profissional

Uma das novidades de "Rock Band 3" é um controle-guitarra "profissional", com 102 botões posicionados no braço do instrumento, imitando as características de uma guitarra de verdade. Esse modelo de controle tem preço de US$ 149,99.

"Rock Band 3" também aceita um controle de teclado, que custa US$ 79,99 avulso ou US$ 129,99 com o jogo. O periférico possui 25 teclas, e pode ser usado tanto colocado numa mesa, ou empunhado como uma guitarra, ao melhor estilo "keytar". Ambos os instrumentos funcionam como periféricos MIDI, ou seja, tem compatibilidade com equipamentos e softwares que usam esse padrão.

A Fender lançará guitarra especial que pode ser usada com "Rock Band 3". Esse Squier Stratocaster, que funciona como uma guitarra de verdade, possui tecnologia que identifica onde está o dedo do jogador no braço, e também quais cordas foram tocadas.

O disco de "Rock Band 3" traz 83 novas músicas (25 na edição para Nintendo DS), entre elas "Bohemian Rhapsody" do Queen, "Plush" do Stone Temple Pilots e a estreia da banda The Doors em um "Rock Band", com a clássica "Break On Through". Os controles-instrumentos dos jogos anteriores funcionam em "Rock Band 3", mas para aproveitar ao máximo a experiência do modo Rock Band Pro, é preciso utilizar os novos periféricos.

A produtora também anunciou a inclusão de um modo chamado Road Challenges (desafios de estrada). A modalidade é descrita como uma série de "apresentações em uma variedade de localidades e pontos de encontro", simulando shows em bares e clubes. Há 10 desafios nessa opção, que podem durar 30 minutos ou três horas.

A terceira edição canônica do simulador musical sai em 26 de outubro, com edições para Xbox 360, PlayStation 3, Wii e Nintendo DS.       Postado por: Guilherme Pilão

veja também