MENU

Site ajuda usuário a cometer "suicídio virtual"

Site ajuda usuário a cometer "suicídio virtual"

Atualizado: Quinta-feira, 7 Janeiro de 2010 as 12

''Morra no mundo virtual para aproveitar melhor a vida real''. Essa é a ideia do serviço ''Web 2.0 Suicide Machine'' (algo como Máquina do Suicídio da Web 2.0, em inglês), que se propõe a ajudar os internautas a se desconectarem de redes

Quando o usuário digita os dados sobre suas contas desses sites, o sistema entra no perfil, troca a senha e começa a deletar informações pessoais e limpar a lista de amigos. Na verdade, a conta do internauta no Facebook, por exemplo, continua existindo, mas a ideia é que ela não possa ser usada. Mas cuidado: não dá para desistir do ''suicídio'' depois que o processo é iniciado.

A página diz que uma pessoa com mil amigos no Facebook demoraria 9 horas e 35 minutos para completar o processo manualmente. A promessa é que, no automático, isso leva 52 minutos.

Por enquanto o serviço não funciona para o Orkut, mas os donos do site dizem estar trabalhando para ajudar os internautas a “se livrarem” das contas mantidas pelo Google, o que incluiria a rede social mais usada no Brasil.

O site pede que os usuários ''se encontrem novamente com seus vizinhos reais'', depois da morte virtual.

''Tente ligar para alguns amigos, faça uma caminhada no parque ou compre uma garrafa de vinho e comece a aproveitar sua vida real novamente. Alguns 'suicidas virtuais' informaram que suas vidas melhoraram em cerca de 25%. Não se preocupe se você se sentir vazio depois do procedimento: isso é uma reação normal que vai desaparecer lentamente em um período de 24 a 72 horas'', alerta a página.

veja também