MENU

Slate, da HP, quer concorrer com o iPad no mercado corporativo

Slate, da HP, quer concorrer com o iPad no mercado corporativo

Atualizado: Sexta-feira, 3 Dezembro de 2010 as 10:56

Embora chegue oito meses depois do lançamento nos Estados Unidos, o iPad encontra em terras brasileiras um cenário pouco concorrido no mercado de tablets. O Slate 500, da HP, faz parte de uma leva de novos modelos que se prepara para desembarcar no Brasil ainda no primeiro trimestre de 2011. Rodando o sistema operacional Windows 7, da Microsoft, o aparelho pretende competir com o tablet da Apple no segmento corporativo   O Slate 500 foi apresentado no fim de outubro e começou a ser entregue aos primeiros compradores norte-americanos nesta quinta-feira (2). Do ponto de vista das configurações é superior ao iPad em diversos aspectos e comparável a especificações de netbooks. Utiliza processador Atom Z540 de 1.86 GHz, com conectividade Wi-Fi, porta USB, Bluetooth 3.0, 2GB de RAM e duas câmeras (frontal e traseira). A resolução é de 1200 por 600 em uma tela de 8,9 polegadas, pouco menor que à do rival.

Nos Estados Unidos, o tablet da HP é vendido por US$ 799, valor ligeiramente menor que a versão Wi-Fi + 3G de 64 GB do iPad (US$ 829). Como a ideia é conquistar clientes empresariais, a HP previu uma demanda inicial de apenas cinco mil unidades do aparelho, sem pretensões de “assassinar” o iPad, que é voltado para um público muito mais amplo. Os pedidos, entretanto, superaram as expectativas, e a empresa teve de retomar a produção que havia sido interrompida.

Para competir diretamente com o público da Apple, a empresa prepara um tablet voltado para o consumidor final, mas ainda não há qualquer detalhes sobre as especificações do aparelho. É provável que o novo dispositivo utilize o sistema operacional webOS, desenvolvido pela Palm, empresa adquirida pela HP em abril.

Se 2010 foi marcado pelo lançamento de tablets no mercado internacional, 2011 será o ano da disputa das fabricantes no mercado brasileiro. O primeiro concorrente do iPad a chegar ao Brasil foi o Galaxy Tab, da Samsung, disponível desde 19 de novembro. Para 2011, estão previstos ainda o lançamento do S7, da Huawei; do V9, da ZTE; do PlayBook , da RIM; e o Streak , da Dell. A brasileira Positivo Informática também já anunciou estar trabalhando em um tablet próprio , mas ainda não há detalhes sobre as configurações do modelo ou a data de lançamento.    

veja também