MENU

Software de reconhecimento facial ajuda polícia inglesa em tumultos

Software de reconhecimento facial ajuda polícia inglesa em tumultos

Atualizado: Quinta-feira, 11 Agosto de 2011 as 2:04

Policiais prendem suspeito de participar de tumultos

em Londres. (Foto: Reuters)

  Sistemas de reconhecimento facial que foram desenvolvidos para serem utilizados na a segurança das Olimpíadas de Londres em 2012 entraram em evidência antecipadamente por conta dos tumultos recentes na Inglaterra . De acordo com agentes de segurança britânicos, a identificação dos suspeitos de participarem em saques e ações violentas no país está sendo feita com a ajuda de novos softwares adquiridos pela Scotland Yard.

Com a ajuda de computadores, a polícia metropolitana de Londres compara imagens de câmeras de segurança e fotografias feitas durante os protetos a imagens arquivadas em fichas criminais.

"Diversas ferramentas estão sendo utilizadas, e o sistema de reconhecimento facial é apenas uma destas ferramentas", afirmou à Associated Press um agente de segurança, em condição de anonimato.

De acordo com o agente, há dois entraves ao uso do sistema: "é preciso ter uma imagem clara do suspeito em ação, e ainda assim isso só será útil se tivermos algo para comparar. Em outras paalavras, se o suspeito já tiver uma ficha criminal."

    A tecnologia de reconhecimento facial funciona por meio de análise e comparação de imagens. O programa identifica a localização e a distância entre pontos do rosto - como da ponta do queixo até a parte inferior da boca e até o centro dos olhos, por exemplo - e compara estes resultados com o de imagens previamente armazenadas em um banco de dados.

Na prática, é como uma análise de impressão digital, mas com variáveis diferentes e mais complexas do ponto de vista da computação. Ao contrário do ser humano, que não tem dificuldade para identificar que fotografias de duas expressões faciais diferentes são do mesmo indivíduo, o computador precisa ser programado para capturar estas nuances.

Em geral, quanto mais imagens de uma mesma pessoa o computador lê, mais fácil será essa identificação. Programas como o iPhoto, da Apple, o Picasa, do Google, e o Windows Live Photo Drive, da Microsoft, utilizam sistema semelhante para marcar automaticamente pessoas em foto. O Facebook também adotou um programa de reconhecimento facial.

O programa utilizado pela polícia britânica é mais sofisticado. Ele foi feito para encontrar semelhanças mesmo em imagens de baixa resolução, como as capturadas por circuitos fechados de televisão, como as câmeras de segurança, e por telefones celulares. O programa varre ainda a internet, principalmente redes sociais, em busca de rostos semelhantes.          

veja também