MENU

Steve Jobs tira licença médica, mas continua como CEO da Apple

Steve Jobs tira licença médica, mas continua como CEO da Apple

Atualizado: Segunda-feira, 17 Janeiro de 2011 as 1:23

Steve Jobs, fundador e presidente da Apple, anunciou que sairá de licença médica para cuidar de sua saúde. Em um comunicado enviado aos funcionários, o fundador da Apple informou a sua saída e afirmou que irá continuar como CEO (Chief Executive Officer) e estará envolvido nas decisões estratégicas da empresa.

O comunicado não informa quanto tempo Jobs irá se afastar de suas funções. “Espero voltar logo que puder”, afirma o dono da empresa em nota.

Esta é a segunda vez que Steve Jobs se afasta da empresa. A primeira vez foi em 2009, quando ficou cerca de seis meses afastado. Em 2004 o fundador da Apple foi diagnosticado com câncer no pâncreas. + Da revista: “Steve Jobs é o Stradivari moderno” - Assim como o mestre dos violinos, o mentor do iPod pode levar com ele o segredo do sucesso.

Segundo o comunicado, Tim Cook, COO da companhia, será o responsável pelo dia a dia da empresa. “Tenho grande confiança de que Tim e o resto da equipe farão um ótimo trabalho de execução dos planos excitantes que temos em vigor para 2011.”

Assim que o anúncio foi divulgado ao mercado, as ações da Apple despencaram nas bolsas europeias. A bolsa de Nova York não terá pregão nesta segunda-feira devido ao feriado do Dia de Martin Luther King.    

veja também