MENU

Universidade de Ponta Grossa atualiza rede e migra telefonia para IP

Universidade de Ponta Grossa atualiza rede e migra telefonia para IP

Atualizado: Segunda-feira, 30 Maio de 2011 as 1:42

A Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) investiu R$ 1,260 milhão na migração do sistema de telefonia para VoIP (voz sobre IP) e, por conseguinte na atualização da infraestrutura de rede de computadores.

O projeto foi iniciado em setembro de 2010, quando foi aberto processo licitatório para a contratação de empresa prestadora de serviços visando à implantação de infraestrutura convergente de voz, dados e imagem através do fornecimento de ativos e softwars de telefonia IP, de rede e serviços de gestão de contas.

De acordo com o Pró-Reitor de Administração, Ariângelo Hauer Dias, o atual sistema de telefonia da universidade se encontrava defasado tecnologicamente, com mais de 12 anos de uso, sem possibilidades de ampliação. “Porém, o novo sistema, além da atualização tecnológica, deverá trazer significativos ganhos através da comunicação via IP (rede de fibra ótica) em grande parte das ligações telefônicas.

Ele explica à época de elaboração do projeto de telefonia, constatou-se a necessidade da reestruturação dos principais equipamentos de rede em todos os blocos dos diversos campi e órgãos externos da UEPG. “Do investimento de R$ 1.260.000,00, financiado em 60 parcelas de R$ 21.000,00, aproximadamente R$ 500.000,00 foram destinados para a instalação da infraestrutura de rede nos diversos blocos”, destaca.

Foi necessária a aquisição de um equipamento switch distribuidor de grande porte, que já foi instalado na Central Telemática, e um equipamento switch receptor colocado em cada bloco dos diversos campi e órgãos da universidade, para permitir a conexão direta por fibra ótica entre os equipamentos instalados. Os novos instrumentos possibilitam a eliminação de antigos aparelhos, tecnologicamente já considerados obsoletos, e que estavam sendo responsáveis pela instabilidade da rede.

A instalação dessa nova tecnologia passa a contemplar não somente a telefonia VoIP, mas também a intranet e a conexão à web da UEPG. Já instalada, a infraestrutura aguarda a implantação dos novos aparelhos de imagem, dos ramais telefônicos e dos posteriores ajustes de configurações e gerenciamento do projeto.       Por Jackeline Carvalho

veja também