85% dos brasileiros acham as vagas do ProUni insuficientes

85% dos brasileiros acham as vagas do ProUni insuficientes

Atualizado: Quinta-feira, 10 Março de 2011 as 3:08

As vagas disponíveis no ProUni (Programa Universidade para Todos) são consideradas insuficientes para 84,2% dos brasileiros, conforme aponta o Sips (Sistema de Indicadores de Persepção Social), divulgado no fim de fevereiro.

De acordo com o levantamento, apenas 15,8% dos participantes do estudo acham que o número de vagas oferecidas pelo ProUni são suficientes.

Apesar de mais de 80% considerarem o número de vagas pequeno, 72,6% dos participantes do estudo acreditam que não poderia haver ampliação de isenção de impostos para as instituições privadas de Ensino Superior.

Destes, 37,7% acham que a isenção deve continuar igual como está hoje, 18,6% acreditam que ela deve ser reduzida e 16,3% disseram que deve ser extinta. Segundo o estudo, 27,3% dos entrevistados acham que a isenção de impostos deve ser ampliada.

ProUni

Ainda segundo o estudo, 73,4% dos entrevistados acham que o Programa Universidade para Todos deve ser ampliado, ao passo que 24% acreditam que deve ser mantido, 1,6% acha que deve ser extinto e 0,9%, que deve ser reduzido.

Quando se trata dos critérios de avaliação do ProUni, 32,7% consideram que eles são bons, 40%, regulares e 27,3% acham que eles são ruins.

Quem conhece o ProUni?

O levantamento ainda aponta que 61% dos brasileiros conhecem o ProUni. Segundo a pesquisa, isso se deve, provavelmente, à contínua exposição desse programa pela mídia, em especial pela televisão.

No entanto, entre aqueles que conhecem o ProUni, 80% não eram bolsistas nem parentes ou amigos de alunos beneficiados pelo programa.

veja também