Amor, hoje não dá...

Amor, hoje não dá...

Atualizado: Sexta-feira, 26 Agosto de 2011 as 9:36

Que coisa essa vida... A rotina de trabalho, os imprevistos familiares e os compromissos sociais acabam bagunçando a relação amorosa da gente. Parece que quando finalmente as coisas entre vocês vão se acertar lá vem o trabalho e patrola o namoro de vocês, ou quando você casa para estar com a pessoa que ama sempre ao seu lado e uma agenda sem fim de compromissos impossibilita vocês de estarem juntos.

Cadê aquele tempinho sobrando que a gente tinha antes, para bater altos papos durante horas no MSN, para tomar café no meio da tarde, para ir no cinema, para jantar fora, pra fazer supresinhas um ao outro? Me parece que o tempo ainda existe, só as prioridades é que mudam.

A certeza do sentimento do outro e a segurança do relacionamento faz com que relaxemos mais. A gente começa a pensar que a mãe não pode mais esperar uma visita, que é preciso retomar as jantinhas com os amigos, ou que está na hora de se matricular numa nova pós-graduação.

Não importa o quanto você lute contra isso, as mudanças vão aparecer uma hora ou outra. O relacionamento vai atingir um estado de equilíbrio, uma certa maturidade. A ponto de você deixar o outro livre para fazer suas próprias escolhas, que também são importantes. A vida nem sempre é como gostaríamos e muitas situações fogem do nosso controle, eu falo de doenças, imprevistos profissionais e outros. Em casos de compromissos de força maior o negócio é relaxar. Não vale a pena se estressar por algo que não pode ser mudado.

Tem semanas que vai ser corrido para um e o outro vai fica a ver navios, e vice-versa. Aproveite estes momentos para fazer as suas coisas, como, por exemplo, colocar sua vida em ordem. Não esqueça que depois da tempestade vem a bonança. Pode ser que esta calmaria reserve momentos muito românticos e especiais para o casal. Deixe para acender o alerta e reivindicar atenção quando achar que a rotina invadir demais o espaço de vocês.

Por Greice Tedesco

veja também