Catarinense surfa desde que tem um ano de idade

Conheça Yan Daberkow,uma das novas promessas do surfe brasil

Atualizado: Terça-feira, 27 Março de 2012 as 2:08

Yan Daberkow é uma das novas promessas do surfe brasileiro. O catarinense de apenas 17 anos venceu em outubro do ano passado o King of the Groms, um dos principais torneios mundiais de atletas novatos. Em 2012, Yan muda de categoria, indo para a Pro Junior (para esportistas de até 21 anos) e se prepara para disputar em abril o ISA Games, campeonato mundial para surfistas de até 18 anos, que será sediado pelo Panamá.

“Vou indo passo a passo, com calma. Meu plano é ser um WT [surfista que disputa o World Tour, principal competição do esporte] daqui a cinco anos”, conta Daberkow em entrevista ao iG.

Apesar da pouca idade, o surfe é paixão antiga do atleta. “Meu pai me deu minha primeira prancha quando eu tinha um ano de idade. Eu sempre morei perto da praia, sempre estive em contato com a água”. Seu primeiro campeonato foi em Joinville, onde mora. “Gostei da coisa e fui indo. Consegui meu primeiro patrocínio, da Billabong, quando eu tinha 10 anos”, relembra.

O novato deveria ter participado da primeira etapa do Circuito Brasileiro de Surfe, que ocorreu entre os dias 16 e 18 de março, em Pernambuco. Por conta de uma lesão, no entanto, Yan ficou de fora da disputa. “Foi um susto. Estava surfando na Austrália e senti o joelho. Graças a Deus não foi nada, só um pequeno problema no menisco. Já estou de volta aos treinos”, explica.

Por enquanto, o surfista concilia os estudos com o surfe: “Estudo à noite, treino durante o dia. Faço academia com um personal trainer e surfo de segunda a sexta-feira com meu técnico. Fico em média umas quatro horas por dia dentro da água”, explica Yan, que no último ano rodou o mundo competindo e pegando onda.

Pode até parecer fácil, mas ele mesmo nega essa ideia: “Surfe é trabalho como qualquer um. Tem que ter muita dedicação, treinar bastante dentro e fora da água. A vantagem é que eu faço a coisa que eumais gosto no mundo”.

veja também