Descubra quais as lições que você pode tirar de uma comédia romântica para conquistar um grande amor

Aprenda com comédias românticas

Atualizado: Sexta-feira, 1 Fevereiro de 2013 as 10:57

 

Comédias românticas podem até não ser seu tipo favorito de filme, mas com certeza pelo menos uma vez na vida você já assistiu a um filme desses.

A grande maioria das mulheres é louca por comédias românticas porque elas atingem diretamente o humor feminino e ainda que história do filme seja a mais óbvia possível, essas comédias ainda parecem atraentes para esse público já que no final sabemos que o mocinho e a mocinha vão se entender não importa quantas dificuldades eles possam passar para isso acontecer.

Assim todas essas mulheres saem do cinema com as esperanças renovas e uma certeza de que os grandes amores ainda podem acontecer quando menos esperamos.

Sabemos que na vida real as coisas não funcionam bem assim mas na verdade existe algo nesses filmes que realmente pode ajudar você a encontrar um grande amor sabia?

Na verdade comédias românticas são ótimas para que possamos tirar lições e aprendizados valiosos que serão muito úteis, ainda que sua vida amorosa não tenha a mesma perfeição daquela vivida pelas personagens. Observe:

romance

·         Seja autêntica

As protagonistas de filmes de comédia romântica possuem diversos tipos de perfis. Desde a executiva extremamente competente que não quer um relacionamento amoroso até a dona de seu pequeno negócio em uma cidade do interior, aparentemente todos os tipos de mulher podem viver uma linda história de amor. Qual o ponto em comum entre elas? A autenticidade.

A executiva focada na carreira é autenticamente determinada e cruel, enquanto a dona de uma bucólica livraria não faz questão de esconder sua pouca habilidade social e se permite umas gordurinhas a mais, (quase) sem crise.

Enfim, todas elas são deliciosamente autênticas, assumindo sua personalidade com coragem e graça. Isso vem reforçar a importância de ser você mesma, sem tentar agir de acordo com padrões impostos ou modificar comportamentos apenas para agradar aos demais.

Nos filmes, essa atitude é recompensada com um grande amor; na vida real, pode ser a diferença essencial entre uma vida engessada e uma vida mais feliz.

·         Seja determinada

Normalmente, no fim do filme, a personagem precisa de um ato de coragem e/ou bravura para que consiga ficar com o amor de sua vida. Embora, na vida real, essa determinação não vá, necessariamente, garantir sua felicidade amorosa eterna, sempre é válido agir com coragem, arriscar-se e tomar decisões com firmeza.

Ser determinada é fundamental para quem pretende atingir seus objetivos, sejam eles no setor dos relacionamentos ou na carreira profissional. É preciso ser brava e manter a confiança no futuro para conseguir qualquer resultado positivo, em qualquer área. Portanto, seja determinada – e colha os frutos de lutar por aquilo em que acredita.

·         Mantenha a mente aberta às possibilidades

Trama clássica para as comédias românticas é aquela em que a protagonista passa o filme todo correndo atrás de um determinado rapaz, que percebe ser um verdadeiro canalha, no final; enquanto isso, normalmente há um amigo leal a seu lado, que ela não nota até que tenha quebrado a cara com o outro.

Essa é a terceira lição de uma comédia romântica para a vida: é preciso manter os olhos abertos para as possibilidades que estão ao seu redor.

Nem sempre o cara mais bonito que você já conheceu é o cara certo para você, pelo contrário. O cara mais bonito que você já conheceu será, provavelmente, uma fonte de grandes dores de cabeça. Portanto, olhe para os lados e tente enxergar aquele moço quietinho que está sempre por perto: pode ser ele o verdadeiro amor da sua vida.

 

Essas dicas das comédias românticas podem parecer bobas, mas se colocadas em prática, todas juntas na vida real, elas podem ser a solução para muitos problemas amorosos. Fica aí a dica para você acertar e não perder mais nenhuma comédia romântica com as amigas. Divirta-se!

 

 

com informações de: Dicas de Mulher

veja também