Estágio no exterior garante vantagens no currículo

Estágio no exterior garante vantagens no currículo

Atualizado: Segunda-feira, 6 Fevereiro de 2012 as 2:33

Dar um upgrade no currículo e ter uma larga vantagem no mercado de trabalho. Esses são os objetivos dos jovens que buscam combinar a fluência de uma língua estrangeira e um estágio na área de atuação no exterior. Para os interessados, a Experimento Intercâmbio Cultural oferece o programa de estágio não remunerado em diversas áreas e em mais de 10 países, em que o aluno tem a oportunidade de adicionar uma experiência internacional focada na área de atuação e tornar o currículo mais competitivo. 

Durante o programa é possível ampliar o domínio da língua na sala de aula e no ambiente de trabalho, além de estabelecer uma rede internacional de contatos com outros profissionais. O interessado também desenvolve habilidades de comunicação corporativa, o que gera ainda mais oportunidades para o futuro. Há opção de escolha para mais de 10 países como os Estados Unidos, Canadá, Inglaterra, Irlanda, Espanha, Argentina, Nova Zelândia, Alemanha, Índia, México, Costa Rica e África do Sul. 

“Com o programa, o estudante pode aperfeiçoar a língua estrangeira e ter uma ótima oportunidade de trabalho na área profissional. A alternativa é indicada para quem não busca retorno financeiro imediato e sim para aqueles que investem na carreira e no futuro,” afirma a CEO da agência, Patrícia Zocchio. 

Este é o caso da relações públicas Valéria Batista da Costa, de 24 anos, que passou 4 meses em Vancouver, no Canadá, e dividiu o programa em duas partes. Na primeira, estudou inglês em período integral e no restante atuou como estagiária de marketing numa empresa de consultoria e comunicação. Na bagagem de volta, a profissional trouxe experiência internacional, inglês fluente, bom currículo e uma carta de recomendação que a ajudaram a garantir umas das 37 vagas, disputadas entre 11 mil pessoas, no processo seletivo de trainee na Dow Química. 

“Tenho certeza que foi a experiência internacional na minha área que me ajudou a conseguir o emprego desejado no Brasil. Antes e durante a viagem recebi apoio e instruções para me dar bens nas entrevistas no exterior, além do suporte da escola. Lá, estudei e trabalhei num ambiente multicultural com pessoas de todo o mundo, o que garantiu amadurecimento, a prática do inglês, enriquecimento cultural e, claro, a experiência na minha área de atuação”, comemora. 

Para participar do programa de estágio não remunerado, é necessário ser maior de 18 anos, ter conhecimento intermediário no idioma escolhido e estar cursando o ensino superior na área escolhida. As áreas de atuação são administração, educação, engenharia, marketing, direito, economia, turismo, tecnologia da informação, entre outros.

veja também