Jovem de Sto. André é o mais novo da mostra Graffiti Fine Art

Jovem de Sto. André é o mais novo da mostra Graffiti Fine Art

Atualizado: Quinta-feira, 10 Março de 2011 as 12

Guilherme Augusto Gafi, 25 anos, morador de Santo André (na Grande São Paulo) é o mais jovem entre os 20 artistas selecionados para participar da mostra Graffitti Fine Art, em cartaz no Museu Brasileiro da Escultura (MuBE), em São Paulo, até o dia 20. Conhecido como "Gafi", desde 2005 ele assina trabalhos de street art em muros da região metropolitana da capital paulista.

"Há alguns anos, o cenário de Santo André era muito forte, eu acompanhava e gostava quando ainda estava no colégio", lembra. Assim que terminou o ensino médio, Gafi procurou uma escola de desenho. "Não me dei bem", assume. Mas não desistiu. O andreense conta que foi para as ruas e aprendeu a arte de grafitar. A Vila Guiomar, bairro em que Gafi mora, é a região onde está a maioria dos seus trabalhos.

Depois de tentar o curso de desenho, Gafi se formou em artes plásticas e, agora, atua nos dois segmentos. "Já participei de outras mostras de grafite e expus trabalhos de artes plásticas no museu de Santo André", conta. A pintura em látex, com acabamento em spray, são a base das imagens com profundidade que o artista faz. E este é o efeito que ele deu na pintura elaborada junto com os artistas Sinhá e Magrela, para a Graffiti Fine Art.

Gafi pinta pista de skate num parque de Santo André: convite da prefeitura

O artista afirma que idade quer dizer pouca coisa nessa área. Segundo ele, ninguém é novo ou velho demais para o grafite. A prova é o reconhecimento de seu trabalho em meio a nomes pioneiros da street art. Até a prefeitura de Santo André conhece os desenhos de Gafi. Seu mais novo trabalho foi um convite do órgao para colorir uma pista de skate. "Estou fazendo um desenho no bowl do Parque da Juventude, em Santo André", conta.

Mesmo com a agenda movimentada, Gafi enxerga os trabalhos como um hobby. "É uma luta constante, eu ainda não consigo viver da arte, de nenhuma das duas", confessa. O objetivo do artista é dar aulas e, claro, conseguir conciliar a fonte de renda aos feitos artísticos.

Exposição Murais Coletivos

Curadoria: Binho Ribeiro / Direção e Coordenação Geral: Renata de Azevedo Silva

Local: Museu Brasileiro da Escultura (MuBE) Sala Pinacoteca. Av. Europa, 218 – Jardim Europa.

Duração: 3 a 20 de março de 2011

Horário: de terça a domingo, das 10 às 19 horas

Informações: (11) 2594-2601 / www.mube.art.br

Entrada Gratuita

Por: Thais Sabino

veja também