Julho promete nova temporada de empregos temporários

Julho promete nova temporada de empregos temporários

Atualizado: Quinta-feira, 9 Junho de 2011 as 9:09

Depois do Carnaval, Páscoa e Dia das Mães, o mês de julho é o que mais promete abrir vagas de trabalho temporário nesse primeiro semestre. De acordo com um levantamento realizado pelo Instituto de Pesquisa Manager (Ipema), encomendado pela Asserttem, os setores de lazer, entretenimento, indústria e comércio abrirão aproximadamente 16,2 mil postos de trabalho temporários em todo o país, devido, principalmente, às férias escolares.

Nos setores de lazer e entretenimento, estimam-se 12,1 mil empregos temporários, 15,7% a mais do que em 2010. As oportunidades estarão nos parques temáticos e de diversão, clubes, hotéis, pousadas, acampamentos, bares e restaurantes. A indústria e o comércio possivelmente disponibilizarão cerca de quatro mil vagas nos segmentos de produtos para lazer, marketing promocional e eventos, 10% a menos em relação ao ano anterior, quando 4.500 postos foram disponibilizados.

A remuneração média permanecerá estável. Nos setores de lazer e entretenimento, o dia trabalhado valerá entre R$ 40 e R$ 150, sendo que eu 2010, o valor mínimo era o mesmo e o máximo, R$ 130. Já nos setores de indústria e comércio, o total pago será de R$ 650 a R$ 1500. Em 2010, esses valores eram de R$ 580 e R$ 1200.

As funções disponibilizadas pelos setores de lazer e entretenimento são para atendimento, monitores, operadores de brinquedos, garçons, serviços de quarto e serviços de cozinha. Na indústria e no comércio as oportunidades são na linha de produção, degustação e promotores de venda.

De acordo com o presidente da Asserttem, Vander Morales, o trabalho temporário é uma porta de entrada para o mercado formal, seja para recolocação profissional ou primeiro emprego. "Esperamos que pelo menos 10% dos trabalhadores contratados sejam efetivados. As empresas estão em busca de bons profissionais para o preenchimento de seu quadro de funcionários", diz Morales.

Jismália de Oliveira Alves, diretora de Comunicação da Asserttem, dá algumas dicas para concorrer a uma vaga e ser contratado. "Ser simpático e educado durante a entrevista, e depois de contratado, mostrar capacidade para trabalhar em grupo e ter responsabilidade. Estes são alguns dos atributos que favorecem a efetivação", conclui.

veja também