Lendas participam de documentário sobre drogas no mundo do surfe

Lendas participam de documentário sobre drogas no mundo do surfe

Atualizado: Quinta-feira, 10 Fevereiro de 2011 as 11:53

Na semana do dia 10 de dezembro, pouco mais de um mês depois da morte do havaiano Andy Irons, o diretor de cinema Rocky Romano gravou mais de 40 depoimentos. Entre eles, os de Sunny Garcia, Michael Ho, Shane Beschen e Dino Andino. O tema era o uso de drogas no mundo do surfe. Romano está montando um documentário sobre o assunto, tomando como base a história de Anthony Ruffo, surfista de 47 anos que, na década de 80, pôs o pico californiano de Santa Cruz no cenário internacional. No dia 14, Ruffo será julgado por tráfico de metanfetamina.

Ruffo foi o primeiro campeão do Coldwater Classic, em 1985. Usuário de drogas assumido, ele faz tratamento em uma clínica e criou um projeto para ajudar os surfistas que passam pelo mesmo problema.

Segundo o diretor, a morte de Andy Irons - que, durante a carreira, teve sua imagem associada a drogas -, abriu espaço para a abordagem do tema. O havaiano tricampeão mundial foi encontrado morto em um quarto de hotel, em Dallas, dias depois de dizer à família que estava com dengue. As causas da morte ainda não foram divulgadas.

- Espero que esse filme seja o documentário antidroga mais eficiente já produzido - disse Rocky Romano, em entrevista ao "Sierra Sun".

veja também