MEC divulga segunda parte da lista com cursos avaliados com nota insatisfatória pelo CPC

Lista de cursos com nota ruim inclui PUC e Mackenzie

Atualizado: Terça-feira, 8 Janeiro de 2013 as 11:54

 

Foi publicada na madrugada de hoje, 8 de janeiro, no “"Diário Oficial da União" a segunda parte da lista com os cursos superiores que tiveram nota insatisfatória no CPC (Conceito Preliminar de Curso) em 2011.

A lista, que completa outra já divulgada anteriormente, em dezembro do ano passado, apontou os cursos que estavam passando por um processo de análise concluído somente agora e trouxe ao todo 38 cursos de 21 instituições de ensino superior que foram avaliados pelo CPC como insatisfatórios.

Entre as principais instituições estão PUC-SP com os cursos de história e geografia e Mackenzie com os cursos de arquitetura e urbanismo.

No ano passado, o MEC divulgou outros 207 cursos que não atingiram as expectativas em 2011 e já tinham tido o mesmo tipo de avaliação no ano de 2008. Por conta disso, essas instituições tiveram o vestibular para 2013 suspensos pelo MEC.

O CPC (Conceito Preliminar de Curso) avalia o rendimento dos alunos, a infraestrutura e o corpo docente da instituição para compor sua nota. Na nota do CPC, o desempenho dos estudantes conta 55% do total, enquanto a infraestrutura representa 15% e o corpo docente, 30%. Na nota dos docentes, a quantidade de mestres pesa em 15% do total; a dedicação integral, 7,5% e o número de doutores, também 7,5%.

Em uma escala até 5 pontos, são considerados insatisfatórios as instituições avaliadas com apenas 1 e 2 pontos nos primeiros conceitos. No caso dos cursos citados inicialmente, PUC-SP e Mackenzie, essa é a primeira vez que eles apresentaram uma nota ruim e, com isso, deverão assinar um protocolo de compromisso com o MEC, indicando as medidas adotadas para melhorar o desempenho de ensino e afins, e não poderão aumentar o número de vagas ofertadas pelo curso até que atinjam nota satisfatória.

Enquanto isso, os candidatos para vagas nesses e em outros cursos podem visualizar a lista completa das instituições de ensino no site: http://www.in.gov.br/imprensa/visualiza/index.jsp?jornal=1&pagina=7&data=08/01/2013 e optar por outras instituições que deem o apoio necessário ao aluno.

 

 

com informações de: Folha de São Paulo

veja também