Os 10 mandamentos do celular na escola

Os 10 mandamentos do celular na escola

Atualizado: Quinta-feira, 15 Setembro de 2011 as 8:46

Na novela "Fina Estampa", o personagem Leo vive chamando a atenção de René Junior para que ele guarde o celular enquanto estão no colégio. Mas não tem jeito: o rapaz está viciadíssimo no site de relacionamentos "Tá sozinho pq quer" e não consegue largar o gadget de jeito nenhum.

Na vida real, o estudante de publicidade Ítalo Quaresma, de 19 anos, também não vive sem o celular. "Durmo e acordo com o celular. Se eu estou sem ele me dá uma agonia". O drama é pior quando, por algum motivo, o celular tem que ficar desligado. "Quando acaba a bateria, entro em desespero, pensando se alguém me ligou", diz.

Com tamanho apreço pelo aparelho, claro que na hora de estudar, é difícil se livrar do vício. "Quando estou na faculdade, tuito o tempo inteiro e todos os meus amigos também são assim. A gente fica tuitando e falando no MSN ao invés de prestar atenção na aula".

Usar o aparelho celular na escola, faculdade, curso de inglês ou aula de tae kwon do não tem problema, tanto que hoje em dia, algumas escolas liberam o uso durante os intervalos– desde que haja moderação! Confira algumas dicas para você não errar e pagar mico.

1 - Prestar atenção na aula sobre todas as coisas. Marina Maki, 18, está no terceiro ano do colegial e, segundo a própria, as notas na escola têm ido de mal a pior. "Minhas notas caíram muito!" Adepta do Twitter 24 horas por dia, ela, que tem dois celulares, faz questão de dar um conselho: "acho que é melhor não usar o aparelho durante a aula".

2 - Não atrapalharás o convívio com os colegas de classe em vão. "Você deixa de conviver no mundo real e acaba afastando as pessoas. "Já levei várias broncas e perdi vários amigos por estar sempre grudado no celular", quem aconselha é o universitário Ítalo. É bom aproveitar o ambiente da escola para jogar conversa fora com os amigos – e depois você pode continuar pela web quando chegar em casa!

3 - Silenciarás o celular perante o professor. Antes de atravessar o portão da escola, lembre-se bem: TEM que acionar o modo vibracall. Assim, se você receber uma mensagem no meio da aula ou alguém resolve te ligar, não vai pagar aquele mico. Se não der pra responder na mesma hora, aguarde até o intervalo, isso não custa nada!

4 - Deixarás claro o status do MSN e do Facechat. Não quer cortar uma conversa pelo meio? Se você avisar que vai dar uma saidinha por alguns momentos talvez seja mais fácil. Antes do início da aula, atualize seu status em todas as redes sociais explicando que estará em aula, quando o professor tiver ido embora, checar o que rolou no meio tempo está liberado.

5 - Não falarás besteira sobre os professores nas redes sociais. Cansada da aula, a recifense Michelle, de 13 anos, tuitou "que aula chata!", mal sabia ela que o professor estava de olho e fez questão de retirar o aparelho. "Agora ele sempre pega no meu pé", conta. Além de ser pouco educado com o professor, é melhor não esquecer que muitos deles têm contas no Twitter e vão poder ler tudo o que você escrever.

6 - Ficarás atento às notícias sobre o mundo. Existem milhares de jogos e fofocas na internet – a grande maioria, muito divertidos, mas não vão fazer de você o mais popular entre os professores, foi isso que Marina Maki constatou. "Quando teve o massacre do Realengo (no Rio de Janeiro) eu estava conectada no Twitter e fui a primeira a dar a notícia para a sala". Desde então, o professor de Geografia libera que os alunos usem o celular na sala – mas não pode dispersar.

7 - Não colarás na prova com o Google. Todo mundo sabe que Google é Deus, mas nesta hora, ele não vai estar ali pra você. A prova serve para testar seus conhecimentos e não sua habilidade de busca na internet. "Estou com sorte", neste caso, só pra quem se esforçou de verdade.

8 - Não darás risada alta com as besteiras que viste na web. Certa vez Ítalo estava todo entretido conversando com uma garota por uma ferramenta de mensagem instantânea, quando ela conta uma piada e ele cai em gargalhada – detalhe, ele estava no meio da aula. "A sala inteira parou e olhou para mim, o professor chamou minha atenção. Passei muita vergonha por causa disso", relata.

9 - Não despertarás o celular alheio. Não vale fazer gracinha e ficar mandando mensagem pro colega do outro lado da sala levar um susto. Se fizer isso, pode virar a maior bagunça na aula e todo mundo parar na diretoria (ainda mais se for aquela fofoca quente que só você sabe). Então se tem algo pra contar urgente, espere até a hora da saída.

10 - Honrarás as normas da escola. O mais importante, acima de tudo, é seguir as regras da escola. Se o diretor proíbe levar o celular pra aula, é melhor deixar em casa. Se você for de carona pro colégio, deixe ele no carro de seus pais, assim quando forem te buscar, já mata a curiosidade do que rolou no Twitter durante o caminho. Se a escola deixa usar o celular só no intervalo, desligue durante a aula. É melhor não causar problemas, porque se você levar uma advertência ou suspensão, seus pais podem te privar do celular pra sempre (e você não quer isso, né?).

veja também