Oscar Filho: Jeitinho feminino

Oscar Filho: Jeitinho feminino

Atualizado: Segunda-feira, 29 Agosto de 2011 as 2:05

Incrível como as mulheres sempre conseguem com que nós, homens, façamos tudo o que elas querem. O detalhe é a sutileza que elas usam. Minha namorada, por exemplo. Sempre que saímos juntos, me pede:

- Pode segurar minha bolsa um pouquinho, amor?

Quando me dou conta, faz uma hora que estou lá carregando. E só percebo porque alguém, geralmente uma criança, aponta rindo:

- Um homem de bolsa, hahahahahaha.

Outra atitude que ela sempre tem é quando vamos comer. Ela pega o cardápio e:

- O que eu escolho pra eu comer, hein amor? (Repare que o "amor" vem sempre no final pra minimizar qualquer percepção da minha parte.)

Todas as vezes que ela pergunta, eu, pacientemente, vou indicando os pratos. E todas as vezes ela rejeita. Como ela sempre consegue me usar nesse processo de escolha de uma coisa que ela mesma vai comer?

Só percebi esse talento que elas tem por conta de uma situação em específico que me fez pensar e que foi reveladora.

Estávamos ela, sua mãe, sua irmã e eu. Ela pega O MEU celular e liga pra uma clínica de estética pra marcar uma depilação da virilha. Valor? 45 REAIS! Todos acharam absurdo, inclusive eu que nunca fiz uma depilação dessas. Falamos tanto que ela se arrependeu e resolveu cancelar. Só que ela ficou com vergonha de ligar. Pediu pra irmã, ela negou. Pediu para a mãe que, além de negar, sugeriu que eu ligasse.

- Você faria isso, amor?

Sendo você homem ou não, faça uma enquete com seus amigos: Conhece algum homem que tenha sequer pensado em aceitar ligar pra uma clínica de estética dizendo:

- Por favor, eu gostaria de cancelar uma depilação na virilha.

Constrangedor! Numa situação normal, NENHUM homem faria isso. Nenhum talvez seja muito extremo, mas a maioria diria "nem a pau!".

E qual foi a minha resposta?

- Claro que sim!

POR QUE eu aceitei? Agora eu compreendo! As mulheres usam a nós, homens, como simples objetos para o seu bel-prazer e ascensão social. Fora todo o controle que exercem sobre nós!

Para mudar isso, estou pensando seriamente em convocar a classe masculina na Praça da Sé e queimar nossas cuecas em sinal de protesto!

A coluna desta semana é pra alertar você, mulher. CUIDADO! Está pra nascer, em breve, uma nova revolução sexual!

Por Oscar Filho

veja também