Pesquisa revela que amor pode mesmo ser "cego"

Pesquisa revela que amor pode mesmo ser "cego"

Atualizado: Quarta-feira, 10 Agosto de 2011 as 1:36

"A beleza está nos olhos de quem vê." "O amor é cego." Quem nunca ouviu essas expressões? E, de acordo com uma pesquisa da Universidade de Groningen, na Holanda, elas estão corretas. As pessoas consideram seus parceiros mais atraentes do que realmente são. Os dados são do jornal Daily Mail.

Para chegar a essa conclusão, a equipe pediu a 140 homens e mulheres que avaliassem a beleza da outra metade e analisassem fotos dela. Um júri também opinou sobre os níveis de atratividade dos casais.

"Para alcançar alguma resolução entre suas esperanças e dúvidas, e sustentar uma sensação de segurança, parceiros muitas vezes criam uma elaborada trama fictícia, que embeleza as virtudes do parceiro e minimiza as suas falhas", disseram os cientistas.

Como os voluntários eram relativamente jovens e estavam juntos, em média, há dois anos e meio, os pesquisadores acreditam que sejam necessários mais levantamentos que analisem se quem permanece casado por muito tempo tem a mesma visão. Eles acreditam que as ilusões positivas sejam maiores no começo do relacionamento, quando a paixão está no auge, e entre os mais novos.

veja também