Pronto para servir

Pronto para servir

Atualizado: Quarta-feira, 9 Maio de 2012 as 1:24

Existe uma qualidade em um homem que me deixa boquiaberta: presteza. Você não pediu, mas ele viu e está partindo na sua direção para lhe ajudar. E, sem mais nem menos, surge uma mão que pega a sacola das compras, que encontra a esponja e começa a lavar a louça suja, que prepara a mesa, que dá banho nas crianças, que leva seu carro na oficina.
 
Amo homens com este perfil, cheios de visão e iniciativa. Ele está a quilômetros de distância do tipo “filhinho da mamãe”. Ele não espera você pedir, ele enxerga que alguma coisa deve ser feita e age. É por causa dele que você não fica em apuros.
 
Imagino que a maioria das mulheres se rende aos pés de um homem que salva a pátria, que torna a vida mais fácil, mais organizada. É preciso dizer que há mulheres que preferem o inverso. Elas gostam de estar no comando da situação, isto lhes dá certo destaque e gera dependência, o pode ser interessante para o tipo de relação que se estabelece entre o casal. Já eu me derreto toda quando sou servida, ajudada, amparada. Me sinto valorizada e querida.
 
Você deve ter se lembrado de outra característica que é como música para os ouvidos femininos: o cavalheirismo. Também fico nas nuvens quando abrem a porta do carro, seguram o elevador, pagam a conta, me brindam com a preferência.
 
Segundo o dicionário Aurélio, cavalheiro é o homem de sentimentos e ações nobres, de educação esmerada. E cá entre nós, geralmente os homens gastam toda a porção de cavalheirismo que têm durante a conquista.
 
Já a presteza, que deve ter algum parentesco com a gentileza, é ágil na solicitude e nada tem a ver com paixão, ela é parte da essência da pessoa. E é aí que eu me refiro, levando em conta minha herança italiana, que dialoga com criaturas despachadas.
 
Um homem cavalheiro, não é, necessariamente, prestativo. E no dia a dia, no “pega para capar”, que mulher não precisa de um homem pronto para servir? Homens prestativos, vocês são demais!

 

Por Greice Tedesco

veja também