Quase metade dos tweets não são enviados através de computadores

Quase metade dos tweets não são enviados através de computadores

Atualizado: Quinta-feira, 29 Setembro de 2011 as 11:17

O Twitter, que originalmente foi lançado como um serviço móvel de mensagens de texto, está cada vez mais voltando às suas raízes. 45% dos mais de 230 milhões de tweets enviados por dia são provenientes de dispositivos móveis, como celulares, smartphones e tablets.

A informação é do vice-presidente de engenharia do Twitter, Michael Abbott. O engenheiro participou da conferência Mobilize, promovido pela GigaOM, em San Francisco, Califórnia. Durante a sua palestra, Abbott afirmou que o SMS, que foi a plataforma original do microblog, continua contribuindo bastante com esses números relacionados aos dispositivos móveis.

A tendência é que os dispositivos móveis continuem tomando o espaço dos desktops na preferência dos usuários do Twitter. Afinal, tanto o Windows Phone quanto a mais recente versão do iOS da Apple contam com recursos de atualização do Twitter através do próprio sistema operacional, permitindo ao usuário publicar um post a partir de praticamente qualquer tela exibida no telefone.

Abbott disse que espera que o Twitter se torne uma ferramenta mais competitiva em relação ao Facebook, no tocante à autenticação de aplicativos. A abordagem do microblog será de estreitar e unificar a sua experiência de uso ao dispositivo que está sendo utilizado. É uma estratégia diferente do Facebook, que está focado em adicionar mais recursos aos usuários que utilizam a plataforma no modo desktop.

O vice-presidente, que liderou o desenvolvimento do webOS da Palm, também falou sobre os últimos acontecimentos envolvendo a HP, e desconhece os boatos de compra do sistema da HP por alguma empresa.

Questionado sobre qual plataforma móvel ele vê como terceira alternativa diante do iOS e Android, Abbott não citou nomes. Disse acreditar que a próxima plataforma importante no mercado é a Internet móvel como um todo.

Via All Things D

veja também