Relógio ecológico precisa ser soprado para poder funcionar

Relógio ecológico precisa ser soprado para poder funcionar

Atualizado: Quarta-feira, 18 Maio de 2011 as 8:12

Cada vez mais estão surgindo conceitos de produtos ecologicamente corretos, alguns funcionam com energia solar e outros com o poder do vento, e esse é o caso do Eole. Enquanto você estiver andando na rua você poderá encontrar pessoas assoprando freneticamente o seu pulso. Antes de achar que as pessoas estão malucas, veja se elas não estão usando um relógio que precisa ser assoprado para funcionar.

O conceito do relógio Eole é projetado por Julien Moïse e é bem simples. A parte em vermelho do relógio parece com uma espécie de turbina, mas na verdade nada mais é do que um gerador de energia eólica.

A energia necessária para um relógio lembrar da hora é muito pouca, e o Eole desliga o display justamente para guardar essa energia, fazendo com que o relógio sempre lembre que horas são.

Quando ele é assoprado, o display liga, mas logo depois ele é desligado para que não haja muita energia desperdiçada. O Eole possui uma bateria que é carregada toda a vez que o ventilador gira, isso significa que sempre que você quiser ver as horas, vai ser preciso assoprar no relógio. No entanto, após o display ser desligado, o restante da bateria é usada para que ele continue funcionando e marcando a hora certa.

Embora não pareça ser muito prático, muitas pessoas certamente vão querer usá-lo porque ele é elegante. Mas certamente existem vários pontos negativos, um deles é se você estiver em um algum lugar com clima frio, certamente não vai ser nada agradável assoprar no seu pulso. Sem mencionar a possibilidade que o ventilador tem de armazenar poeira, algo não muito bom para quem sofre de doenças respiratorias.

Por: Marcell Almeida

veja também