Saiba qual é o índice de radiação que seu celular emite

Saiba qual é o índice de radiação que seu celular emite

Atualizado: Quarta-feira, 8 Junho de 2011 as 11:21

Com a recente notícia de uma possível ligação entre a emissão de radiação de telefones celulares e o risco de câncer no cérebro (glioma), você voltou a se perguntar quanta radiação seu aparelho libera, certo? Ou, o mais importante, o quanto seu corpo pode estar absorvendo.

O limite legal do FCC permitido para celulares é de 1,6 watts de energia de radiofreqüência por kg, usando uma medida chamada Taxa de Absorção Específica (SAR).

O Environmental Working Group, que monitora os dados SAR para mais de 1.300 modelos de telefones móveis e smartphones, afirma que vários fatores além de seu aparelho podem afetar o seu real nível de exposição, como a distância entre a torre de sinal e o celular. Se a conexão está fraca, o aparelho precisará gerar mais radiação para fazer uma ligação.

A frequência da rede e a tecnologia podem ser um quesito a se considerar, e até mesmo a idade do usuário pode ser um problema."Crianças e adolescentes provavelmente obtém maior dose de radiação que os adultos usando o mesmo telefone," disse o  porta-voz do EWG Leeann Brown via e-mail.

A distância entre o telefone e o usuário também é importante. Usando um fone de ouvido ou o viva-voz - ou o envio de sms em vez de falar - são maneiras baratas de reduzir a sua exposição, aconselha EWG.

A organização publicou 8 recomendações de segurança sobreo uso de celulares em seu site.

A FCC também adverte que o SAR sozinho não pode contar a história completa sobre segurança com ceulares, pois a medida considera apenas os níveis de radiação máxima possível e não o tipo.

Há uma gama bastante ampla de níveis de SAR para telefones celulares mapeada pelo EWG com base em dados de sites de fornecedores, atualizada pela última vez em dezembro de 2010.

Clique aqui para consultar a lista.

Os modelos são mostrados em ordem do mais baixo ao mais alto nível de radiação possível emitida pelo seu aparelho. Você pode reordenar a lista clicando em um dos cabeçalhos da coluna.

Via: IDG now

veja também