Senado aprova projeto de combate ao bullying

Senado aprova projeto de combate ao bullying

Atualizado: Quarta-feira, 15 Junho de 2011 as 1:54

A Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado aprovou na tarde desta terça-feira um projeto de lei que determina que os estabelecimentos de ensino, públicos ou privados, promovam políticas de prevenção e combate ao bullying. A determinação, que poderá fazer parte da Lei de Diretrizes de Bases da Educação (LDB), segue agora para análise da Câmara. As informações são da Agência Senado.

O projeto é de autoria do senador Gim Argello (PTB-DF), que sustenta que o bullying causa enorme sofrimento às vítimas. Para ele, a situação é ainda mais grave quando acontece nas escolas, já que afeta crianças ainda despreparadas para lidar situações de violência física e moral.

Para o relator do texto na comissão, senador Aloysio Nunes (PSDB-SP), o projeto é oportuno. Em seu relatório, ele sugere providências a serem adotadas pelas escolas, mas pondera que, por se tratar de uma lei geral, válida para todos os sistemas de ensino, não seria adequado descer a detalhes.

Entre as sugestões apresentadas pelo relator, estão a capacitação técnica e pedagógica de todos os profissionais da educação que trabalham nas escolas, incluindo os não docentes, interação entre educadores e pais de alunos, articulação entre gestores educacionais e os encarregados da segurança da cidade e do bairro e ainda conscientização das crianças, adolescentes e jovens sobre as consequências "nefastas desse tipo de comportamento covarde e antissocial".

veja também