USP aprova mudanças que deixam vestibular mais difícil

USP aprova mudanças que deixam vestibular mais difícil

Atualizado: Sexta-feira, 3 Junho de 2011 as 8:47

O Conselho de Graduação da Universidade de São Paulo (USP) aprovou mudanças no vestibular 2012 - que começa no segundo semestre deste ano e seleciona alunos para o próximo ano letivo. As alterações tornam a seleção pela Fuvest mais rigorosa, com elevação da nota de corte mínima e menos aprovados para a segunda fase.  

As principais mudanças são para a primeira fase. A nota de corte para aprovação para a segunda fase, que era calculada de forma que houvesse pelo menos três candidatos para cada vaga na reta final, agora será calculada deixando apenas dois por vaga para a segunda fase. O objetivo é impedir que candidatos considerados ruins passem nesta peneira inicial.

Pela mesma razão, a nota mínima, exigida para as carreiras em que a concorrência é tão baixa que não se aplica a regra anterior, vai subir de 22 para 27, entre as 90 questões. Estudos mostravam que um candidato que "chutasse" todas as respostas, teria boa chance de acertar as 22.

Na segunda fase, muda o número de questões do segundo dia de provas, que era considerado longo demais.

Para amenizar a provável sobra de vagas por conta do aumento na dificuldade de ingresso, criou-se a possibilidade de candidatos não aprovados em carreiras concorridas poderem escolher outro curso após a terceira chamada. Fica a cargo de cada unidade aceitar ou não o aluno que prestou o exame com inscrição para outra área.

Nota de corte mínima para passar a 2ª fase

Como era: 22 de 90 questões

Como ficará: 27 de 90 questões

Definição da nota de corte das carreiras acima do mínimo

Como era: Estabelecido de forma que sejam aprovados pelo menos 3 por vaga para a 2ª fase

Como ficará: Poderão passar apenas 2 por vaga para a segunda fase

Mobilidade dos candidados entre as carreiras

como era: Só concorria a vaga no curso em que se inscreveu

Como ficará: Se não aprovado na área, poderá usar a nota para outras após a 3ª chamada

Notas da 1ª fase

Como era: Só contavam para ir à 2ª fase

Como ficará: Serão somadas com as da 2ª para o resultado final

Prova do 2º dia da 2ª fase

Como era: 20 questões dissertativas

Como ficará: 16 questões dissertativas

Em abril, foram aprovadas alterações do programa de Inclusão da USP (Inclusp), aumentando a possibilidade de bônus na nota para estudantes de escola pública de 12% para 15%. A reunião do Conselho Universitário continua no período da tarde e detalhes sobre como as mudanças refletirão no processo devem ser comentados no fim do encontro.

veja também