Vai prestar concurso? Aprenda a organizar seu tempo de estudo

Vai prestar concurso? Aprenda a organizar o tempo de estudo

Atualizado: Sexta-feira, 2 Março de 2012 as 2:03

Início de ano, novos desafios e novos concursos.

Aos concurseiros de plantão, é importante que você crie um quadro horário de estudo.

Flexibilidade e responsabilidade são dois fatores importantes para a criação desse quadro horário.

O quadro horário é uma das mais eficientes formas de organização de tempo por conseguir deixar visível as horas disponíveis para realizar suas atividades. Trata-se de uma tabela com dias da semana e horas do dia que você preencherá com as atividades no tempo livre.

O tempo que você leva diariamente no ônibus, por exemplo, é algo que não deve ser desperdiçado.

O melhor quadro é aquele com o qual você se sente mais confortável e aquele que você realmente irá respeitar, mas há, sim, alguns padrões a serem levados em consideração.

Ao identificar tempos 'quebrados' você inseriu atividades complementares ao estudo? (ler jornais, rever mapas, etc). Definiu o tempo vago que será convertido em tempo de estudo? Procurou fazer outras otimizações (colocar algumas contas em débito automático ou pagá-las pela internet para evitar ir ao banco, fazer comida para alguns dias, dirigir ou se exercitar ouvindo a matéria ou um áudio livro sobre a matéria etc.) Levou em conta tempo de sono e descanso diário e semanal? O tempo de estudo é compatível com seus objetivos e dedicação? Não adianta ter 12 horas de estudo disponíveis e não se dedicar ao estudo, divagar para o que poderia ou gostaria de estar fazendo. Por vezes, 2 horas é mais do que o suficiente. Mas, de maneira geral, 15 minutos de estudo não são o bastante para garantir sua aprovação tão cedo. 

Separando de matérias

Chegou a hora de definir as horas de estudo de cada matéria. Isso deve ser feito de acordo com as que você gosta, as que não gosta e as que considera indiferente. As que você menos se identifica, geralmente, são as que menos entede, portando, as que necessitam de mais estudo.

Língua portuguesa, direito e Constituição Federal são algumas das matérias mais comuns e importantes em concursos, mas vale dar uma conferida no edital.

com informações de William Douglas / UOL

veja também