Vestibulandos do Mackenzie dizem que prova de exatas estava difícil

Vestibulandos do Mackenzie dizem que prova de exatas estava difícil

Atualizado: Quinta-feira, 15 Dezembro de 2011 as 8:44

Os candidatos do vestibular da Universidade Presibiteriana Mackenzie ouvidos pelo G1 consideraram as questões de matemática e física muito difíceis na prova aplicada  nesta quarta-feira (18).

Segundo eles, o Mackenzie seguiu uma tradição de cobrar muito conhecimento de conteúdo na área de exatas, enquanto que as questões das disciplinas de humanas e a redação foram mais fáceis de fazer.

Guilherme Pontes, 19 anos, disse que a prova estava "bem feita". "A parte de exatas do Mackenzie costuma ser difícil", afirma o candidato, que mora em Jundiaí e concorre a uma vaga em direito. Guilherme também prestou Fuvest e Unesp. "Faço relações internacionais na Faculdade Santa Marcelina, mas quero fazer direito. E se der, fazer as duas."

Raíssa Abreu, de 18 anos, ficou um pouco desapontada com seu desempenho na prova. "Acho que não fui muito bem, esperava mais. Vou muito mal de exatas. Física e matemática chutei todas. Nas outras matérias acho que fui bem", disse a estudante, que quer fazer direito. Ela conta que fez algumas aulas particulares de matemática, mas sentiu que não foi suficiente. "Acho que se eu não passar vou fazer cursinho", afirmou Raíssa, que prestou também a PUC e a FMU.

Fernando Morello, de 20 anos, prestou o Mackenzie pela primeira vez há três anos, para contabilidade, e passou. Acabou optando pelo mesmo curso na PUC, mas neste ano decidiu trocar de carreira e escolheu publicidade e propaganda. Não passou no vestibular da PUC porque trabalha e não teve tempo de estudar, e está contando com o Mackenzie. "No Mackenzie tem mais vagas, então é mais fácil."

Já a estudante Amanda Lacerda,  de 18 anos, quer entrar no Mackenzie para estudar direito e também jogar handebol. "Aqui tem bolsa atlética, e eu quero jogar handebol, acho que o Mackenzie é uma das poucas [universidades] que têm." Amanda não fez cursinho, só estudou no colégio e admitiu que chegou para a prova "com a cara e a coragem". "Quero fazer direito, mas não manjo nada de exatas."

Amanda usou a prova do meio do ano para treinar. "Em redação e português eu fui bem", disse.

Outros candidatos farão prova nesta quinta

Os candidatos do Mackenzie foram separados em turmas de acordo com a carreira escolhida. Nesta quarta-feira fizeram a prova os inscritos para direito, filosofia, jornalismo, letras, pedagogia, publicidade e propaganda, teologia, ciências biológicas, educação física, farmácia, fisioterapia, nutrição, psicologia, design e arquitetura e urbanismo.

Na quinta-feira (15) haverá prova para quem se inscreveu para ciência da computação, engenharia (todas), física, matemática, química, sistemas de informação, administração, administração com linha de formação em comércio internacional, ciências contábeis e ciências econômicas.

A primeira lista de convocados será anunciada no dia 5 de janeiro.

veja também