Nova trilogia de 'O Hobbit' dirigida por Peter Jackson trás aventuras que antecedem 'Senhor dos Anéis'

Primeiro filme da trilogia 'O Hobbit' estréia sexta

Atualizado: Terça-feira, 11 Dezembro de 2012 as 2:50

 

 

bilbo aventura

 

A boa da semana para os cinemas será o filme 'O Hobbit' do diretor e ganhador do Oscar, Peter Jackson que acompanha o escritor da trilogia, J.R.R. Tolkien desde lançado nos cinemas do livro 'Senhor dos Anéis: A Sociedade do Anel'.
 
O filme ‘O Hobbit’, que compõe mais uma trilogia do autor sul-africano J.R.R. Tolkien, conta uma história que antecede sua primeira trilogia lançada nos cinemas ‘Senhor dos Anéis’, que também teve direção de Peter Jackson. As aventuras de Bilbo Bolseiro, personagem central que narra a trama, começam quando ele parte numa aventura pela Terra Média acompanhado do Mago Gandalf, o cinzento, e de outros 13 anões, para enfrentar um temido dragão.
 
Convidado para ser o representante do mago Gandalf em uma viagem pela Terra Média, Bilbo se vê entrando na aventura acompanhado de mais 13 anões que são liderados pelo lendário guerreiro Thorin Escudo-de-Carvalho.
 
A viagem irá levá-los a lugares selvagens, passando por terras traiçoeiras repletas de Goblins, Orcs, Wargs, Aranhas Gigantes, Transmorfos e Feiticeiros.
Embora seu objetivo esteja a Leste, nos terrenos áridos da Montanha Solitária, eles precisam antes escapar do túnel de Goblins, onde Bilbo encontra a criatura que mudará sua vida para sempre... Gollum.
 
Sozinho, com Gollum, nas margens de um lago subterrâneo, o despretensioso Bilbo Bolseiro não só descobre dimensões de malícia e coragem que surpreendem até a si mesmo, como também, acaba ganhando de Gollum o “precioso”, um simples anel de ouro que guarda qualidades inesperadas e úteis além de estar ligado a todo o destino da Terra-Média, de formas inimagináveis por Bilbo.
 
 
Para entender melhor essa nova trilogia adaptada de livros, vamos relembrar um pouco do que foi a já lançada ‘Senhor dos Anéis’:
 
frodo e samNo primeiro filme 'Senhor dos Anéis: A Sociedade do Anel', Bilbo Bolseiro, em seu 111º aniversário, dá de presente a seu sobrinho, Frodo, um poderoso anel. O mago Gandalf, no entanto, descobre que este anel pertence a Sauron e que precisa ser destruído nas Montanhas da Perdição. Como o fardo de destruir o anel é muito pesado, Frodo junta-se a uma Sociedade que o ajudará nesta missão.
 
No trajeto para destruir o anel, Frodo, sucumbe ao poder de atração que a jóia exerce sobre as pessoas, mas, segue firme em seu propósito e para isso contará com a ajuda dos elfos, magos e anões.
 
Para não prejudicar os amigos, Frodo decide ir sozinho para as montanhas da perdição, já que o anel é muito perigoso. Seu melhor amigo Samwise Gamgee, não aceita deixar Frodo sozinho e promete acompanhá-lo até o fim da jornada e pela insistência e amizade do robbit, Frodo aceita.
 
O segundo filme 'Senhor dos Anéis: As duas Torres' a sociedade do anel é desfeita e Saurum fica cada vez mais poderoso e em busca do anel de Frodo e para impedi-lo homens e elfos se organizam numa batalha.
 
Um exército dos Orcs é montado por Saurum e está pronto para atacar, então as trombetas da batalha são ouvidas por toda a Terra Média, mas os homens não entregam sem luta e a batalha promete ser sangrenta. Nesse período Sauron, que precisa do anel para dominar toda a humanidade, percebe que a jóia está voltando para Mordor, onde será destruída.
 
Enquanto isso, Sam e Frodo continuam sua jornada perigosa rumo a Montanha da Perdição, acompanhados de Gollum que, no entanto, espreita sua jornada com um único motivo: roubar o anel.
 
Sam e Frodo sofrem muito, mas, no último filme eles finalmente conseguem entrar em Mordor. A batalha contra Sauron não foi vencida, no entanto, eles estão próximos de cumprirem sua promessa e destruir o anel.
 
Frodo finalmente chega até a Montanha da Perdição para destruir o anel, mas, depois de tantas provações não se sabe se ele será capaz de fazê-lo.
 
O anel é destruído e para comemorar o fim da guerra na Terra Média, Aragorn é coroado rei de Gondor e Frodo, Bilbo, Gandalf, Elrond e Galadriel partem da Terra Média.
 
 
Fora Gandalf e Gollum, interpretados por Ian McKellen e pelo britânico Andy Serkis, que já participaram de todos os filmes anteriores da trilogia de 'Senhor dos Anéis', os demais são estreantes do filme e incrementam a ação com ousadia, entusiasmo e muita coragem dada à seus personagens.
 
O ator Andy Serkis chegou a afirmar que faz seu personagem Gollum "como se ele fosse um viciado" em drogas. "Tive que encontrar algo muito real para fazer esse papel e, para mim, era algo sobre o anel e o vício, a esquizofrenia e a mentira", contou. "Eu o interpreto praticamente como se ele fosse um viciado. O anel o controla, ele anseia e é obcecado por essa coisa" disse Srkins.
 
Ele também contou quão difícil é a interpretação de um personagem como Golum. "Fisicamente eu tinha que estar em forma, porque é um papel exigente, já que filmamos a cena toda de uma só vez até dar certo. É realmente cansativo em termos vocais e emocionais. Tive que começar a correr e a andar de bicicleta", afirmou o ator.
 
Além da parte física, Serkis afirmou que a mente também precisou estar em dia. "É realmente um papel tão psicologicamente complexo que você tem que estar nele durante todo o dia, não dá para simplesmente sair do personagem. Tinha que estar com a voz pronta entre as tomadas".
 
 
Sob a direção de Jackson, a Trilogia O Hobbit foi filmada em 3D de 48 quadros por segundo e será lançada também em 3D e outros formatos aqui no Brasil. A produção foi realizada nas instalações do próprio Jackson em Miramar, Wellington, e em sets de filmagem por toda a Nova Zelândia.
 
A aventura tem duração de 160 minutos e a censura estipulada do filme é de 12 anos.
 
Você que acompanhou ‘Senhor dos Anéis’ não pode perder a estréia de ‘O Hobbit’ nesta sexta-feira. Já compre o ingresso e parta em mais uma aventura!
 
 
 
G1 / Cinema10 / R7

veja também