As Divisões da Bíblia

As Divisões da Bíblia

Atualizado: Segunda-feira, 11 Abril de 2011 as 2:26

A palavra "Bíblia" vem do grego bíblia, plural de bíblion, "livros", ou “muitos livros”.

Esses livros estão divididos em duas seções: O Antigo e o Novo Testamento.

ANTIGO TESTAMENTO

O Antigo Testamento conta a história do povo de Israel. Essa história retrata a fé do povo no Deus de Israel e descreve a vida religiosa dos israelitas como povo de Deus. Os autores destes livros escreveram o que Deus fez por eles como povo e como eles deveriam adorá-lo e obedecer-lhe em resposta a seu amor.

A Lei:

GÊNESIS: Significa ORIGEM, narra a criação e a relação de Deus com o homem e da promessa de Deus a Abraão.

ÊXODO: Significa SAÍDA. Fala da libertação dos Judeus do Egito e o tempo no deserto.

LEVÍTICO: O Nome vem de LEVI uma das doze tribos de Israel. O livro registra todas as leis e regulamentos a respeito de rituais e cerimônias.

NÚMEROS: Durante quarenta anos de deserto foram promovidos censos para a contagem do povo.

DEUTERONÔMIO: Significa RECAPITULAÇÃO. Os três discursos de Moisés.

JOSUÉ: Josué foi o líder que sucedeu Moisés, destruiu as muralhas de Jericó e fez a divisão das terras para as tribos.

JUÍZES: Os israelitas constantemente desobedeciam a Deus e caíam nas mãos de países opressores. Deus constituiu juízes para livrá-los da opressão.

RUTE: Conta o amor e a dedicação de Rute à sua sogra, Noemi.

1 SAMUEL: Samuel foi o líder de Israel no período compreendido entre os Juízes e Saul, o primeiro rei. Quando a liderança de Saul falhou, Samuel ungiu a Davi como rei.

2 SAMUEL: Sob o reinado de Davi, a nação se unificou e se fortaleceu. No entanto, depois dos pecados de Davi, adultério e assassinato, tanto a nação como a família do rei sofreram muito.

1 REIS: Conta o reinado de Salomão em Israel. Depois de sua morte, o reino se dividiu entre o Norte e o Sul, resultando no surgimento de duas nações: Israel no Norte e Judá no Sul.

2 REIS: Israel é levado cativo a outros povos pela desobediência às leis de Deus.

1 CRÔNICAS: Inicia com as genealogias de Adão até Davi e, conta os acontecimentos do reinado de Davi.

2 CRÔNICAS: Abrange o mesmo período que 2 Reis, mas com ênfase em Judá, o reino do Sul, e seus governantes.

ESDRAS: Encorajar os Judeus que voltavam do exílio e a reconstruir o Templo. Amigo de Neemias.

NEEMIAS: A reconstrução do Muro. Ele também colaborou com Esdras para restaurar o fervor religioso do povo.

ESTER: Relata a história de uma rainha judia da Pérsia, que denunciou um complô que visava destruir os Judeus.

Poéticos e de Sabedoria:

JÓ: A pergunta "Por que sofrem os inocentes?" é tratada nesta história bíblica.

SALMOS: Estas 150 orações foram usadas pelos hebreus para expressar sua relação com Deus. Abrangem todo o campo das emoções humanas, desde a alegria até o ódio, da esperança ao desespero.

PROVÉRBIOS: Palavras de sabedoria, de ensinamentos éticos e de senso comum acerca de como viver uma vida reta.

ECLESIASTES: Na sua busca por felicidade e pelo sentido da vida, este escritor, conhecido como "filósofo" ou "pregador", faz perguntas que continuam presentes na sociedade contemporânea.

CANTARES DE SALOMÃO: Este poema descreve o gozo e o êxtase do amor. Simbolicamente tem sido aplicado ao amor de Deus por Israel e ao amor de Cristo pela Igreja.

Profetas Maiores:

ISAÍAS: Mensagem do juízo de Deus às nações, anuncia o futuro rei - JESUS, e prometeu uma era de paz e tranqüilidade.

JEREMIAS: Muito antes da destruição de Judá pela Babilônia, Jeremias previu o juízo de Deus. Embora sua mensagem seja na maioria de destruição, Jeremias também falou do novo pacto com Deus.

LAMENTAÇÕES DE JEREMIAS: Jerusalém cai cativa da Babilônia. Este livro registra cinco "lamentos" pela cidade.

EZEQUIEL: A mensagem de Ezequiel foi dada aos judeus cativos na Babilônia. Ezequiel usou histórias e parábolas para falar do juízo, da esperança e da restauração de Israel.

DANIEL: Daniel se manteve fiel a Deus, mesmo enfrentando muitas pressões quando cativo na Babilônia. Este livro inclui as visões proféticas de Daniel, e acontecimentos dos fins dos tempos.

Profetas Menores:

OSÉIAIS: Oséias se vale de sua experiência conjugal, sendo traído pela esposa, para ilustrar o adultério que Israel tinha cometido contra Deus e para mostrar como o fiel amor de Deus pelo seu povo nunca muda.

JOEL: Depois de uma praga de gafanhotos, Joel admoesta o povo para que se arrependa.

AMÓS: Durante um tempo de prosperidade, este profeta de Judá pregou aos ricos líderes de Israel sobre o juízo de Deus; insistia em que pensassem nos pobres e oprimidos, antes de pensarem em sua própria satisfação.

OBADIAS: Obadias profetizou o juízo sobre Edom, um país vizinho de Israel.

JONAS: Jonas não queria pregar para a gente de Nínive, que era inimiga de seu próprio país. Quando, finalmente, levou a mensagem enviada por Deus, seus habitantes se arrependeram.

MIQUÉIAS: A mensagem de Miquéias para Judá era de juízo, em vez de perdão, esperança e restauração.

NAUM: Naum anunciou que Deus destruiria o povo de Nínive por sua crueldade na guerra.

HABACUQUE: Este livro apresenta um diálogo entre Deus e Habacuque sobre a justiça e o sofrimento.

SOFONIAS: Este profeta anunciou o Dia do Senhor, que traria juízo a Judá e às nações vizinhas, mas um pequeno remanescente, sempre fiel a Deus, sobreviveria para abençoar o mundo inteiro.

AGEU: Depois que o povo voltou do exílio, a reconstrução em primeiro lugar o templo, antes de suas casas.

ZACARIAS: Como Ageu, Zacarias instou o povo a reconstruir o templo, assegurando-lhes a ajuda e bênçãos de Deus. Suas visões apontavam para um futuro brilhante. Amigo de Ageu.

MALAQUIAS: Após o retorno do exílio, o povo voltou a descuidar de sua vida religiosa.

NOVO TESTAMENTO

Os livros do Novo Testamento foram escritos pelos discípulos de Jesus Cristo. Eles queriam que outros ouvissem a respeito da nova vida que é possível através da morte e ressurreição de Jesus.

Evangelhos:

MATEUS: Com ênfase nos ensinamentos e citando muito o antigo testamento este Evangelho direcionado aos Judeus apresentava Jesus como o Messias prometido.

MARCOS: Escrito para os Romanos. Apresenta Jesus como Filho de Deus.

LUCAS: Escrito para os Gentios. Apresenta Jesus como Salvador.

JOÃO: Escrito para todas as nações. Apresenta Jesus como o Cristo.

Cartas Paulinas:

ROMANOS: Paulo escreve aos romanos sobre a vida no Espírito, que é dada pela fé aos que crêem em Cristo.

1 CORÍNTIOS: Trata dos problemas que a igreja de Corinto estava enfrentando.

2 CORÍNTIOS: Paulo escreve sobre seu relacionamento com a igreja de Corinto e as dificuldades dos falsos profetas.

GÁLATAS: Expõe a liberdade da pessoa que crê em Cristo com respeito à lei.

EFÉSIOS: Propósito eterno de Deus: Jesus Cristo é a cabeça da Igreja, que é formada a partir de muitas nações e raças.

FILIPENSES: A Alegria que o crente em Cristo encontra na vida. Paulo a escreveu quando estava encarcerado.

COLOSSENSES: Fala aos cristãos de Colossos que abandonem suas superstições e que Cristo seja o centro de sua vida.

1 TESSALONICENSES: Paulo dá orientações aos cristãos de Tessalônica a respeito da volta de Jesus ao mundo.

2 TESSALONICENSES: Paulo fala do retorno de Jesus ao mundo e trata de preparar os cristãos para a vinda do Senhor.

1 TIMÓTEO: Para Timóteo, jovem líder, com conselhos sobre adoração, ministério e os relacionamentos dentro da igreja.

2 TIMÓTEO: O apóstolo Paulo lança um último desafio a seus companheiros de trabalho.

TITO: Tito era ministro em Creta. Nesta carta o apóstolo Paulo o orienta sobre como ajudar os novos cristãos.

FILEMOM: Filemom é instado a perdoar seu escravo, Onésimo, que havia fugido como a um amigo em Cristo.

Cartas Gerais:

HEBREUS: Exorta os novos cristãos a não observarem rituais e cerimônias tradicionais, em Cristo, eles foram cumpridos.

TIAGO: Aconselha os cristãos a viverem na prática sua fé e, além disso, oferece idéias sobre como isso pode ser feito.

1 PEDRO: Escrita para confortar os cristãos da igreja primitiva que estavam sendo perseguidos por causa de sua fé.

2 PEDRO: O apóstolo Pedro adverte os cristãos sobre os falsos mestres e os estimula a continuarem leais a Deus.

1 JOÃO: Esta carta explica verdades básicas sobre a vida cristã com ênfase no mandamento de amarem uns aos outros.

2 JOÃO: Esta carta, dirigida à "senhora eleita e aos seus filhos", adverte os cristãos quanto aos falsos profetas.

3 JOÃO: Em contraste com sua Segunda Carta, esta fala da necessidade de receber os que pregam a Cristo.

JUDAS: Judas adverte seus leitores sobre a má influência de pessoas alheias à irmandade dos cristãos.

Histórico:

ATOS DOS APÓSTOLOS: Registra os primeiros atos realizados pelos apóstolos, a Igreja Primitiva e a atuação do Espírito Santo. Escrito pó Lucas.

Profético:

APOCALIPSE: O livro que revela os acontecimentos do final dos tempos e o triunfo do bem sobre o mal. Escrita por João.

Na paz daquele que decidiu se revelar e é fiel a Sua Palavra.

Pr. Felipe Heiderich

@FelipeHeiderich

Felipe G. Heiderich Segundo é teólogo - formado pelo Seminário Unido do RJ -, pastor, escritor e atua na Primeira Igreja Batista de Engenho do Porto, Duque de Caxias (RJ). Escreve artigos e ministra palestras para jovens, promovendo reflexões sobre espiritualidade e cotidiano.

veja também