Colando na prova

Colando na prova

Atualizado: Segunda-feira, 5 Março de 2012 as 10:12

Quando me comprometi em escrever no NMM prometi pra mim mesmo e pra vocês que falaria do Jesus na minha vida, e isso implica nas minhas vitórias com Ele e também das minhas burradas.

Bom, pelo título do post alguns podem pensar, puxa será que o Marcinho se deu bem porque colou e veio aqui dar seu testemunho de vitória? Toma vergonha na sua cara crente, se você tá pensando assim!

Aliás isso seria muito normal, se não fosse comigo, aliás foi bem normal com o resto da classe que colou e se deram muito bem. Mas as coisas são um pouquinho diferente pra mim, não sei pra você.

Eu já escrevi aqui alguns posts sobre meu período da facu, e graças a Deus muitas coisas boas aconteceram, foi professor que falou o que quis e ouviu o que não quis, foi evangelismo, foi vitória em trabalhos impossíveis, etc…

Eu também disse aqui que eu era conhecido como o cara que não cola e nem passa cola, mas num belo dia…

Entrei no meio da turma e por isso fiz meu trabalho de conclusão fim do ano passado, e para minha alegria fui aprovado, porém tenho o primeiro semestre para cumprir durante 2012, tudo normal até aqui,  mas após a conclusão do trabalho final as notas de cada matéria foram saindo, e como eu já havia sido aprovado, fiquei de boa, mas para minha surpresa havia uma matéria que não tinha fechado, e deveria fazer uma prova de recuperação para conseguir a nota. Eu só precisava tirar 4 pontinhos.

Fácil, pensei, nem vou estudar, no dia da prova, como de costume todos meus colegas com suas colas com letrinhas minúsculas nas mãos, ia ser uma noite de adrenalina pra galera, mas como sempre eu ia fazer minha prova sem colar. Disse que nem estudei, mas sabe como é, na entrada da facu fiquei ali dando uma lida na matéria, estava confiante e tranquilo, afinal já tinha revisto a matéria um milhão de vezes e agora era só fazer o que eu sabia.

Com a prova na mão, percebi que eu não sabia muita coisa, aliás, quase nada. A classe estava lotada, imaginem que esse era um professor muito amável e querido de todos, eu sentado no meio da classe, percebia que o fundão estava agitado, murmúrios e papeis sendo trocados.

A prova estava em grego pra mim, tinha certeza apenas de uma resposta. Foi quando o professor saiu da sala!

Imaginam o que aconteceu? Acho que foi tipo Torre de Babel, cara, na minha facu inteira, eu nunca tinha visto um prof fazer isso, mas ele fez, e a galera pirou, e eu, bem eu até resisti, uns 5 segundos, até uma colega me pedir uma informação, ou melhor uma cola, respondi o que eu achava e aproveitei:

-       Você sabe a resposta da 4?

E não foi só isso, desesperado entrei no clima da galera, um me perguntava e perguntava um, e assim foi durante os eternos 3 minutos que o prof se retirou.

E pra resumir a história, fui me matricular agora para cumprir o primeiro semestre e…

Algo estava errado ao invés de disciplinas a cursar em 2012, estava requerindo que eu fizesse a matricula para as matérias de 2011. Liguei na secretaria, tentei o site da facu, e descobri que, fiquei de DP na matéria, ou seja, vou ter que cursá-la novamente esse semestre. Minha primeira e única DP na facu.

Você pode estar pensando várias coisas do tipo, não soube colar, não estudou direito, colou da pessoa errada, bem eu só digo que essa era pra ser a prova mais fácil do mundo, todos meus colegas que colaram ou não, passaram, menos eu.

Isso só me faz concluir uma coisa.

O jeito que as coisas funcionam para o mundo, não funcionam para mim, graças a Deus!

Então quer um conselho, se você é cristão de verdade, não trapaceie, não pegue atalhos, não engane, não minta, não faça nada pela metade, e se for fazer uma prova, mesmo que ela for idiota e precise tirar só 4, não cole!

Você e eu não somos desse mundo, nosso padrão é mais alto, bem alto, digamos q assim, celestial!

 

Por Marcio Michel

veja também