E seus olhos, onde estão?

E seus olhos, onde estão?

Atualizado: Sexta-feira, 2 Dezembro de 2011 as 1:14

Problemas, dificuldades e lutas fazem parte da vida do cristão verdadeiro. É dessa forma que somos aperfeiçoados e fortalecidos na fé.

Claro que ninguém gosta de passar por elas, mas são necessárias.

Quando dizemos "estou passando por uma luta" quer dizer que estamos atravessando ela. Por exemplo, para chegar de um ponto a outro você precisa caminhar e entre esses dois pontos existe uma região de batalha (ou mais de uma). É como acontece aqui em SP, pra você chegar de um ponto da cidade a outro, existe uma batalha: o trânsito! Hehehe.

Masssss… Como falei, nós passaremos por essa batalha e passar não significa ficar nela. É um período, um momento, mas passaremos e chegaremos ao outro lado com mais sabedoria (que foi adquirida nessa batalha).

Acompanhe este versículo:

Mas, à quarta vigília da noite, dirigiu-se Jesus para eles, andando por cima do mar.

E os discípulos, vendo-o andando sobre o mar, assustaram-se, dizendo: É um fantasma. E gritaram com medo.

Jesus, porém, lhes falou logo, dizendo: Tende bom ânimo, sou eu, não temais.

E respondeu-lhe Pedro, e disse: Senhor, se és tu, manda-me ir ter contigo por cima das águas

E ele disse: Vem. E Pedro, descendo do barco, andou sobre as águas para ir ter com Jesus.

Mas, sentindo o vento forte, teve medo; e, começando a ir para o fundo, clamou, dizendo: Senhor, salva-me!

E logo Jesus, estendendo a mão, segurou-o, e disse-lhe: Homem de pouca fé, por que duvidaste?

Mateus 14:25-31

Ok! Agora, minha pergunta é:

Para onde você está olhando quando está em meio a uma luta?

Testemunho próprio:

Pra quem não sabe, sou chileno, mas vim com 6 anos para as terras tupiniquins e nunca mais voltei pro Chile.

Passou-se o tempo e uma série de detalhes aconteceram em minha vida: separação dos pais, regresso de minha mãe e irmão ao Chile e abandono do meu pai (pra entender melhor, leia aqui meu testemunho).

Pois bem, como cheguei criança no Brasil, quem devia fazer toda minha documentação de estrangeiro era meu pai, massssss não a fez!

Então descobri que estava ilegal no país!

Para resolver essa parada, fui na policia federal. Eles me deram o prazo de 8 dias para deixar o país sob pena de deportação.

Então começou uma corrida desenfreada atrás de advogado pra resolver essa situação. Os advogados, por sua vez, só enrrolavam e eu ficava aflito porque os dias iam passando e meu tempo também.

Em toda essa correria a minha preciosa princesa Fran estava comigo! E ela foi fundamental nesse periodo de luta.

Passaram-se 7 dias e nada! Foi quando no meio da rua eu casei... Falei:

"Cansei! Quero ir embora de uma vez! Chega de ficar me enrolando!!!"

Qual é a semelhança entre meu testemunho e o que aconteceu com Pedro? – A ESSÊNCIA!

- No início desse processo, meus olhos estavam em Jesus, sabendo que Ele estava no controle. Quando Pedro saiu do barco para ir até Jesus, seus olhos estavam Nele.

- Meus passos estavam firmes nessa caminhada, já que eu sabia que Jesus cuidava de mim e tinha o melhor. Pedro caminhava sobre as águas com passos firmes.

- Para o homem natural aquilo era impossível. Como conseguir uma saída para permanecer no país em 1 dia? Como alguém pode andar sobre as águas?

Nosso “escorregão” também foi o mesmo:

- Quando tudo parecia contra mim, tirei os olhos de Jesus, e olhei pra minha capacidade em resolver aquela situação. Comecei a confiar na força do meu braço e ver que aquela situação era impossível de ser resolvida.

- Quando Pedro sentiu o vento forte, tirou os olhos de Jesus e olhou para sua capacidade de ficar sobre a água. Começou a pensar como homem natural e ver que era impossível estar sobre as águas.

Mas meu testemunho não é “tristemunho”! Naquele momento, eu havia tirado meus olhos dos olhos de JESUS. Foi então quando a Fran pegou na minha mão, me conduziu até uma escada da calçada do banco Itaú. Sentamos, eu chorei, ela chorou e orou por mim:

"Senhor, ajuda a gente. Dá paz ao Fê e nos direciona..."

O que ela fez foi colocar meus olhos de volta em Jesus. Dessa forma, voltei a depositar toda aquela situação aos pés de Jesus.

Nós temos esse hábito! Colocamos algo na presença de Deus, mas quando a coisa aperta, tiramos das mãos de Deus e resolvemos fazer do nosso jeito.

O problema é que fazer isso é como naufragar na fé. Deixamo de crer que Jesus pode resolver e queremos fazer como manda nosso entendimento….

No meio da luta, no calor da batalha, onde você está pondo seus olhos?

Ah sim! O final do meu testemunho!

No final, após deixar a situação nas mão do Senhor, meus documentos sairam de forma milagrosa! Se você quer saber essa história tim-tim por  tim-tim, acompanhe em meu testemunho clicando aqui.

Deus permite que passemos por essas lutas para o nosso próprio crescimento e fortalecimento de nossa fé. Para isso, sua fé não deve estar apoiada em suas emoções. Emoções são como uma montanha russa, cheia de altos e baixos. Apoie sua fé no Senhor Jesus! Creia que Ele é poderoso pra fazer isso e muito mais.

E como  Sadraque. Mesaque e Abednego disseram: "Ainda que Deus não nos queira livrar do fogo, nós não nos dobraremos diante da estátua!"

Se você está se afogando, é porque você tem deixado de olhar para quem deveria estar olhando….

Portanto nós também, pois que estamos rodeados de uma tão grande nuvem de testemunhas, deixemos todo o embaraço, e o pecado que tão de perto nos rodeia, e corramos com paciência a carreira que nos está proposta,Olhando para Jesus, autor e consumador da fé, o qual, pelo gozo que lhe estava proposto, suportou a cruz, desprezando a afronta, e assentou-se à destra do trono de Deus.Considerai, pois, aquele que suportou tais contradições dos pecadores contra si mesmo, para que não enfraqueçais, desfalecendo em vossos ânimos. – Hebreus 12:1-3

E a sua cabeça e cabelos eram brancos como lã branca, como a neve, e os seus olhos como chama de fogo... – Apocalipse 1:14

Não se afogue em suas emoções, apoie-se na fé!

Mantenha seus olhos nos Seus olhos de fogo!

por Fernando Ortega

veja também