Falso!

Falso!

Atualizado: Quarta-feira, 1 Junho de 2011 as 11:12

LEITURA BÍBLICA

2 Pedro 2.1-3;17-22

Tomem cuidado com aqueles que causam divisões e colocam obstáculos ao ensino que vocês têm recebido. Afastem-se deles (Rm 16.17).

Para quem estuda a Bíblia há muito tempo, às vezes parece que sua leitura diária não fará mais diferença em sua vida. Afinal, o que Deus ainda pode revelar? Não está tudo ali, naquele livro tão conhecido?

Não! Se pensarmos assim, passamos a correr um grande risco: sermos enganados por falsos ensinos propagados por falsos mestres (assunto do texto de hoje). Segundo Pedro, estes são motivados pela cobiça, espalham histórias inventadas e heresias destruidoras (interpretações incorretas, abandono de doutrinas ou acréscimos por conta própria), chegando a negar a Cristo. São perigosos, pois fazem com que muitos abandonem o caminho correto, como eles fizeram.

Serão punidos por todo mal que causaram, mas até isso acontecer podem destruir muitas vidas e igrejas.

Como podemos proteger-nos deles? Para combater heresias o melhor é estudar a Bïblia profundamente. Quem conhece Deus e aquilo que ele revelou ao homem, dificilmente será enganado por falsos ensinos. Tome cuidado, também, com líderes e pregadores que não falam em Jesus, o centro da fé cristã. Se o sacrifício de Cristo não é enfatizado, desconfie.

Além do risco de sermos enganados, precisamos ficar atentos para que também não nos tornemos falsos mestres. Dificilmente alguém cai de repente - são várias brechas que são abertas aos poucos: deixar a Bíblia de lado, não orar, não ter amigos cristãos fiéis... Assim, podemos passar a propagar mentiras sobre a fé e a Bíblia por desconhecimento e falta de comunhão com Deus.

Se você não quer ser enganado nem correr o risco de enganar outros, é preciso decidir ser um cristão autêntico: honrar Jesus como Senhor de sua vida, ter um relacionamento estável e próximo com Deus, ler e estudar diariamente a Palavra e também ficar alerta para qualquer heresia que for propagada. - VWR

Para reconhecer o falso é preciso conhecer o verdadeiro.

veja também