Intimidade

Intimidade

Atualizado: Quarta-feira, 16 Janeiro de 2013 as 2:04

Ei, o que te move? Parece uma pergunta estranha inicialmente, apesar de ser bem comum. Mas, podemos traduzi-la no contexto ao qual me refiro, como:

O que você mais anseia e busca com todas as forças?

As respostas podem variar muito entre músicas, trabalho, novelas, jogos, comida, descanso, dinheiro, etc. Mas, e a presença de Deus, o “estar” com Ele, você tem desejado com todo o seu ser aquele momento de parar tudo e se relacionar com o Pai?

Você tem se relacionado com Ele, e tido intimidade em Sua presença como nosso mais íntimo amigo?

Na verdade, às vezes sentimos que há uma distância entre nós e Deus, mas bem mais do que possamos querer estar perto do Senhor, Ele deseja se aproximar de nós. A prova de amor que nos foi dada é tão linda e imensa, e, mesmo conhecendo a mensagem da Cruz, agimos, às vezes, como se de nada soubéssemos.

“Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.” João 3: 16

A triste verdade é que nós é que não O buscamos como deveríamos na maioria das vezes! E deixamos este amor de lado para vivermos nossas vidas. Deus nos fala que devemos buscá-Lo de todo o coração, ou seja com toda a nossa alegria e empenho, assim, O encontraremos.

“Buscar-me-eis, e me achareis, quando me buscardes de todo o vosso coração. Serei achado de vós, diz o Senhor…” Jeremias 29.13-14

Cantamos: “distante de ti Senhor não posso viver, não vale a pena existir, escuta o meu clamor, mais que o ar que eu respiro, preciso de Ti.” Trecho do hino “Preciso de Ti” da Igreja Batista da Lagoinha.

Imagine um dia em que está com muita sede, em um dia com sol escaldante, com certeza desejaria muito um pouco de água não é? E se você já  ficou sufocado, ou com a respiração falhando sabe que é uma sensação agonizante, e que nos leva a buscar desesperadamente o ar. Maior que a busca por ar nesse momento, é a nossa sede de Deus?

“Como suspira a corça pelas correntes das águas, assim, por ti, ó Deus, suspira a minha alma.” Salmos 42:1.

Cantamos: “quero servir-Te sempre mais e mais, quero louvar-Te”. Temos alegria em servir? Você tem prazer em poder servir a Deus lavando a louça, fazendo o almoço, ou limpando a casa? Temos ajudado nosso próximo, com alegria, como que para o Senhor?

“Servi ao Senhor com alegria; e entrai diante dele com canto.” Salmos 100:2

Geralmente são salmos ou música… Mas, é bem mais que isso. Deus nos convida a viver uma vida de louvor, que O adore. Como tem sido a nossa vida? Não pergunto se lá na hora do culto, na igreja, você levanta as mãos e canta, mas, se você tem refletido uma vida de adoração na sua escola, faculdade, trabalho, em todo o tempo, onde quer que vá. Muito se fala de testemunho, mas pouco se testemunha de fato porque não procuramos refletir a luz de Cristo.

Como nos vêem, e mais importante como Deus tem me visto?

orarCristo nos convida a amá-lo e a viver profunda intimidade. “Como o Pai me amou, também eu vos amei a vós; permanecei no meu amor” João 15:9; Ele nos chama a sermos santos, purificados por seu sangue. “Portanto santificai-vos, e sede santos, pois eu sou o SENHOR vosso Deus.” Levítico 20:7.

Nossa luta contra nossos desejos maus, egoísmos, malícias, raiva, desamor, nossa natureza pecaminosa é diária e não é por nossas forças que conseguiremos. “Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais” Efésios 6:12.

Mas temos Um que em tudo passou e suportou e agora está ao nosso lado para nos ajudar!

Convido-te hoje a buscar a Deus e a desejá-LO Mas, buscar, não para sentir alguma paz, ou ter alguma coisa; chamo-te a adorá-Lo por quem Ele é, a amá-Lo. Assim, o que nos moverá, será a vontade de Deus, não a nossa. Que o nosso maior e único anseio seja o Senhor.

“Minha alma está desejosa, e desfalece pelos átrios do SENHOR; o meu coração e a minha carne clamam pelo Deus vivo.” Salmos 84:2

 

Por:  Brenda Cavalcanti

veja também