Nem as mais belas palavras descrevem esse amor

Nem as mais belas palavras descrevem esse amor

Atualizado: Terça-feira, 14 Fevereiro de 2012 as 10:31

Não importa como você tenha chegado até aqui. Não importa como tenha se comportado nos últimos anos. Não importa se você é negro, branco, amarelo, alto, baixo, gordo ou magro. Não importa se você matou alguém ou se é viciado em mentiras. Não importa se você vai a igreja ou não: Jesus te ama.Ele te ama, simples assim. 

Sabe aquele amor que você não sabe de onde vem e só sabe que não merece? Aquele, que quando você olha para o céu estrelado fica se perguntando "isso é pra mim"? Aquele amor que te deixa bobo, com cara de "ué", absolutamente satisfeito?! Pois é, não estou falando desse amor. Não, porque, o amor de Jesus por você é tão grande que é inexplicável. 

E eu poderia usar todas as palavras mais belas dos idiomas, que ainda assim não descreveria a potência do amor dele. O amor dele é singelo e puro, capaz de te entender em seus momentos de dor, acalmar nos de raiva e stress e fidedigno em lhe perdoar por caminhar por veredas distantes. 

E hoje, eu só queria que nós não usufruíssemos desse amor como algo descartável. Como um copo que a gente pega, usa e depois joga fora. Infelizmente, nós vivemos um evangelho descartável. As palavras a priori são vivas, mas em cinco segundos tornam-se para morte. 

As ações são embasadas em racionalização do amor, mas tornam-se interesse. Ir à igreja era prazer e hoje é obrigação. Isso é evangelho??? Isso tem a ver com Jesus??? Não sei pra você, mas, para mim, isso passa longe do que vejo nos olhos de Cristo todos os dias.

Mas se somos amados incondionalmente porque nos posicionamos dessa forma? Porque agimos assim? ... 
Eu queria que hoje pudéssemos bater no peito pra dizer que não merecemos seu amor mas o aceitamos em nossas vidas como condição existencial e não aceitamos entrar em algum lugar ou conversar com alguém sem refletir o que está em nossa vida involuntariamente.

Jesus Cristo te ama e em sua expressão máxima, morreu por te amar. E você? O que faz em sua expressão máxima de amor? 

Precisamos aprender. Se levamos em nosso peito o título "cristão" e a bíblia embaixo do braço, precisamos no mínimo, ser de fato um cristão. Aprender e desenvolver esse amor que recebemos quando ainda éramos cegos e nus. Entregar de graça, porque recebemos de graça.

Tenho sido desafiada a isso dia-a-dia e queria te desafiar também. Digo "desafiar" porque é mesmo um desafio. Não é fácil amar, ou melhor, corrigindo, não é fácil amar a quem não é "amável". Eu quero aprender! E você?

Um excelente dia para vocês!

Por Bruna Vichi

veja também