O 'pecadinho' também leva à morte

O 'pecadinho' também leva à morte

Atualizado: Segunda-feira, 31 Outubro de 2011 as 10:30

É muito comum nós, seres humanos, julgarmos tudo e todos. Até mesmo os nossos pecados! Nós utilizamos medidas e definições entre os nossos pequenos e grandes pecados. Quem nunca pensou assim: “Ah, mas Senhor, eu só contei uma mentirinha e tive motivos, isso não é um pecado, é só um pecadinho. Olha a fulaninha, ela fez isso e aquilo outro, e ainda por cima contou uma MEGA mentira, isso sim é um pecado, ou melhor, um pecadão”.

GALERAAAAA, vamos acordar... NÃO EXISTE MEDIDAS PARA O PECADO!

“Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso Senhor.” (Romanos 6.23)

Na palavra do Senhor não diz que o salário dos BIGS MEGAS GRANDES pecados é a morte, mas nela fala somente do pecado em si. O problema é que nós pegamos o nosso ‘pecadinho de estimação’ e começamos a achar que ele não vale de nada, que é pequeno demais se comparado aos dos nossos irmãos, e acabamos esquecendo que esses ‘pecadinhos’ também nos levam a morte e que com eles seremos julgados com o mesmo peso dos ‘pecadões’ dos nossos irmãos, o Senhor não usará medidas diferentes. Da mesma maneira que Ele julgar a mulher adúltera Ele julgará aquele homem que mentiu para as autoridades, a única coisa que mudará são as consequências do pecado.

Portanto, vamos mudar enquanto ainda há tempo! Vamos deixar de lado esse conceito de que pequenos errinhos nós podemos cometer. Vamos lembrar para que fim o pecado nos leva. E principalmente, vamos buscar maaaaais ao Senhor para que nos fortaleçamos no espírito e possamos ir aos poucos deixando esses ‘pecadinhos’ de costume diário para trás.

Por: Beatriz Moser

veja também