O valor do seu talento será do tamanho do uso que fizer dele

O valor do seu talento será do tamanho do uso que fizer dele

Atualizado: Terça-feira, 14 Junho de 2011 as 11:43

LEITURA BÍBLICA

João 11.1-15

O que as suas mãos tiverem que fazer, que o façam com toda a sua força, pois na sepultura, para onde você vai, não há atividade nem planejamento, não há conhecimento nem sabedoria (Ec 9.10).

Recentemente, um premiado documentário contou a história do francês Philippe Petit, que em 7 de agosto de 1974 praticou crime artístico. Sem autorização, cruzou oito vezes o vão entre as duas torres gêmeas do World Trade Center, em Nova Iorque, equilibrando-se num cabo de aço a mais de 400 metros de altura e sem nenhum equipamento de proteção.

O que impressiona é sua determinação de levar em frente um sonho que teve aos 16 anos enquanto folheava uma revista que falava sobre a construção do conjunto de prédios que, quando terminados, seriam os mais altos do mundo. Daquela hora em diante, dedicou sua vida ao preparo para realizar seu sonho.

Não sabemos o que vai acontecer nos próximos anos, dias e nem nas próximas horas. Deus ordena os acontecimentos de maneiras inesperadas para os homens. Portanto, o que é colocado diante de nós precisa ser feito com atenção e dedicação (veja o versículo em destaque). No texto de hoje, Jesus menciona as doze horas de um dia judaico (do nascer ao pôr-do-sol). Pensando em seu ministério, cada hora de seu dia deveria ser bem utilizada para que pudesse cumprir sua missão.

A determinação de Jesus é visível: ele não se importou com o perigo de ser preso ou apedrejado, nem se preocupou com a possibilidade de ter de ir sozinho quando seus discípulos deixaram clara a sua intenção de ficar. Jesus estava movido pela urgência de sua missão naqueles dias - ressuscitar Lázaro, para a glória de Deus.

É dia, e enquanto há luz precisamos cumprir o que Deus quer para nossa vida, gastando cada minuto para promover a glória de Deus - e não nossa própria glória, como fez aquele francês equilibrista. Assim, não vamos correr inutilmente e gastar o nosso suor com vaidades, percebendo tarde demais que já não resta mais tempo. - HSG

veja também