Orgulho? Para com isso

Orgulho? Para com isso

Atualizado: Quinta-feira, 20 Outubro de 2011 as 10:54

E aew amigos, queria começar essa mensagem perguntando: Como você está fazendo a obra de Deus? Você está fazendo para Deus mesmo, ou para os homens? Essa é uma pergunta que todos em um instante responderiam: “Para Deus”, mas é preciso vigiarmos para não deixar que o nosso orgulho tome conta de nós enquanto fazemos a obra.

O trecho de I Samuel 1: 9-18, conta a história de Ana, mãe do profeta Samuel, esse capitulo fala que ela sendo estéril foi ao templo orar a Deus, e enquanto orava, ela falava com Deus em seu coração, sem nenhum som saindo de seus lábios (o que era diferente da época, em que os homens oravam em voz alta), e eles apenas se mechiam, o sacerdote do templo a julgou, dizendo que ela estava embriagada.

Essa situação pode parecer, mas é frequente em nosso dia-a-dia, muitos nas igrejas estão preocupados em fazer a obra, mas de forma a serem reconhecidos e visto pelos homens, esses tipos de pessoas estão sujeitos a deixarem que o orgulho próprio faça com que comecem a fazer a obra para agradar os homens, deixando de lado a verdadeira intenção de agradar a Deus.

Enquanto isso pessoas que fazem a obra em sua casa, em seu trabalho, ou em outras situações que não são vistas por outros cristãos, muitas vezes podem ser taxados como pessoas que não fazem a obra de Deus, como pessoas que têm vergonha de fazer a obra, mas se conversarmos com elas realmente vamos vê-la falando de Deus, engrandecendo Deus, e não falando de suas obras.

Não digo que não devemos fazer obras que serão vistas pelos homens, mas digo para fazer desde pequenas obras até obras gigantescas, com apenas o intuito de agradar a Deus e não aos homens, vamos deixar transparecer a face de Deus em nós, para que façamos diferença no mundo.

Não é fácil fazer uma obra e não ser reconhecido, mas garanto que será muito mais gratificante quando estivermos frente a frente com Deus, e Ele nos dizer, “suas obras me agradaram, seu nome está no livro da vida, pode entrar, filho meu”.

“Buscai primeiro o reino de Deus e a sua justiça, e todas as demais coisas vos serão acrescentadas”. Mateus 6:33

Por: Jéssica e Edmilson

veja também