Prontos para adorar

Prontos para adorar

Atualizado: Terça-feira, 16 Agosto de 2011 as 11:08

LEITURA BÍBLICA

Levítico 9.1-24

Por muito tempo, o povo de Israel entendeu que religião era sinônimo de sacrifício. No livro de Levítico, o Senhor deu ordens aos líderes do povo sobre o tipo, o preparo e o modo de oferecer os sacrifícios a Deus. O povo seguia as instruções divinas, visando a ganhar favores (bênçãos), aplacar a ira divina, obter perdão pelos pecados, purificação e consagração.

No texto de hoje, vemos o sacerdote Arão oferecendo os sacrifícios que o Senhor exigia pelos pecados do povo e também por seus próprios. O Senhor agradou-se daquelas ofertas, o povo ficou alegre e adorou ao seu Deus.

O sistema de sacrifícios "caiu bem" ao povo de Israel. Esta foi a forma pela qual Deus pôde interagir com os israelitas, escolhidos para ser seu povo. Porém, oferecer sacrifícios constantemente não era o plano definitivo de Deus para nos aproximar dele – era apenas um modelo do sacrifício verdadeiramente eficaz.

Assim, hoje os sacrifícios de animais e as ofertas de cereais não são mais necessários, pois um único sacrifício foi suficiente para castigar nossos pecados e aplacar a ira divina: a morte de Cristo. O autor de Hebreus explica: "Cristo foi oferecido em sacrifício uma única vez, para tirar os pecados de muitos" (Hb 9.28).

Na cruz, conseguimos o nosso maior favor: a vida eterna! O sacrifício de Jesus também nos deu acesso direto ao Pai, restaurou nossa comunhão com ele e já não precisamos mais esperar para sermos purificados e consagrados, pois isso acontece quando entregamos nossa vida a Deus. Estamos sempre prontos para a adoração ao Senhor e para um relacionamento de amor profundo com nossos irmãos. Não espere mais: creia em Cristo, em seu único e eficiente sacrifício, e adore ao Senhor com sua vida! - LM

Adorar a Deus com nossa vida é mais que qualquer sacrifício.

veja também