Tempo de Guerra

Tempo de Guerra

Atualizado: Terça-feira, 26 Abril de 2011 as 4:23

Em nossa história de vida, enfrentamos diversos desafios. Somos bombardeados por notícias ruins, confrontados por ideias opostas, somos metralhados pelo pecado e às vezes levamos rasteiras das circunstâncias. De fato, estamos numa guerra. Guerra contra nossas vontades, contra o pecado e o inimigo das nossas almas, guerra contra a depressão, contra o stress, contra as perseguições e por aí vai... O importante é reconhecer todas as batalhas travadas e não descansar, nem ficar ocioso (a) em tempos de guerra.

Você pode ser cheio do Espírito Santo, pode ser super responsável e até um (a) jovem segundo o coração de Deus, no entanto se você parar pra descansar ou pra curtir bem na hora da guerra, as consequências podem ser catastróficas. Davi era um homem que amava a Deus, tinha muitas experiências com o Pai e tinha recebido suas promessas, mas infelizmente ele quis aproveitar o conforto e o luxo do palácio justamente na hora em que ele devia estar guerreando.

A Bíblia diz em 2 Samuel 11, que Davi ficou curtindo o palácio e enviou seus homens para a guerra. Em meio a tanta ociosidade e com a mente vazia, Davi avistou uma mulher bonita e mandou que a buscassem. Mesmo sabendo que a mulher era casada, Davi desejou-a tanto que nem pensou no que poderia acontecer. Ele tentou dar um "jeitinho" e ainda mandou matar o marido dela. Deus reprovou suas atitudes, embora ele tenha se quebrantado e confessado os pecados, Deus não lhe poupou das consequências.

É assim conosco também. Muitas vezes em meio as nossas guerras, resolvemos curtir o momento em vez de guerrear. Quando estamos em dúvida, sobre qual decisão tomar, ouvimos tudo e todos menos a Deus. Quando estamos de folga, parece bem mais divertido ficar horas em sites com ideias vazias ou assistindo um programinha do tipo BBB. Parece tão interessante, mas muitos desses conteúdos levam jovens ao pecado, cauterizam a mente para que a palavra de Deus não possa entrar.

A vida é tão corrida, é chato ter que ir à igreja na única noite livre que você tem. Mas é na casa do Senhor que você se reveste de armadura pra vencer as guerras que se levantam no seu colégio, no seu trabalho ou na sua família. É acessando bons conteúdos e buscando conhecer a palavra que você vai articular boas táticas de guerra.

Afinal, quais são as suas guerras? É dominar a língua? Fugir das tentações da mocidade? Manter seu namoro Santo? Sair da imoralidade sexual? Purificar seus pensamentos?

Eu sei muito bem quais são as minhas guerras, interiores e exteriores. Identifique quais são as suas. Não fique ocioso em tempos de Batalha, pois é tempo de lutar e avançar contra o mal! Isso não significa que você vai perder a sua juventude, Jesus disse: "... quem perder sua vida por amor de mim ganhá-la-á." (Mat. 16:25). Então procure agradar a Deus custe o que custar, pois ao vencer essas guerras, você festejará com alegria as suas vitórias!

Por Michele Moreira

veja também