Você ora pelos Perdidos?

Você ora pelos Perdidos?

Atualizado: Quarta-feira, 6 Abril de 2011 as 4:26

Antes de Jesus entregar o seu espírito ali pregado na cruz, Ele teve tempo para orar por aqueles que foram assassiná-lo: "E dizia Jesus: Pai, perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem..."(Lucas 23:34).

Deus começou a responder sua oração no Dia de Pentecostes, quando cerca de três mil pessoas se arrependeram e foram batizados naquele dia, e já houve incontáveis multidões que foram salvas através dos séculos. Em resposta à intercessão de Jesus para os transgressores (Isaías 53:12), Deus tem arrebatado muitas almas da morte eterna.

Você tem um coração pronto a orar pelos perdidos, como Jesus teve?

Você tem a paixão que inspirou John Knox implorar: "Dá-me a Escócia ou eu morro"?

É a sua atitude de George Whitefield, que orou: "Ó Senhor, dai-me almas ou tomar a minha alma"?

Você, como Henry Martyn, chora quando vê os outros presos na religião falsa e grita: Não posso suportar minha existência vendo que Cristo é tão grandemente desonrado!"?

Deus usou esses homens fiéis, como ferramentas poderosas para trazer a salvação para pessoas que estão morrendo. Cada um deles tinha uma compreensão clara e nítida do que está em jogo no evangelho - é uma questão de vida ou morte, uma eternidade no céu ou no inferno. Você percebe que por causa da incredulidade membros de sua família, seus colegas de trabalho, e seus vizinhos irão passar a eternidade em tormento e sofrimento e longe da presença de Deus se não abraçarem a Cristo?

Essa percepção deve conduzi-lo de joelhos para pleitear, não só com eles para crer no evangelho, mas com Deus para salvar suas almas.

O século XVII o inglês puritano Richard Baxter escreveu,

“Os ímpios infelizmente, estão apenas um passo da morte e do inferno e centenas de doenças estão esperando prontas para apoderar-se deles, e se eles morrerem não regenerados, eles estarão perdidos para sempre. Se você não cre na Palavra de Deus sobre esse perigo para com o futuro dos pecadores, será que realmente você é um Cristão? Porém se você acredita nisso, por que não se movimenta em ajuda a outras pessoas? “

Uma coisa é orar para a família e amigos, aqueles por quem você tem afeição natural. Mas Deus quer que você ore por todas as pessoas. Paulo escreve:

"Admoesto-te, pois, antes de tudo, que se façam deprecações, orações, intercessões, e ações de graças, por todos os homens; Pelos reis, e por todos os que estão em eminência, para que tenhamos uma vida quieta e sossegada, em toda a piedade e honestidade;" (1 Tm 2:1-2).

Os reis e as pessoas em posição de autoridade na época de Paulo não estavam ligados por direitos civis e foram muitas vezes injustas, egoístas e crueis. Você ora para a salvação de pessoas assim - os que discordam de você politicamente, aqueles que advogam ímpios, aqueles que abertamente abraçam o pecado e rejeitam as Escrituras?

A Bíblia tem vários exemplos de oração evangelística radical, e para o pior dos pecadores. Aqui estão alguns exemplos: Moisés intercedeu por Israel após capturá-los em uma idolatria orgiástica, no sopé do Monte Sinai. Depois de ter enfrentado e tratado com o seu pecado, ele se voltou ao Senhor e orou:

" ora, este povo cometeu grande pecado fazendo para si deuses de ouro.Agora, pois, perdoa o seu pecado, se não, risca-me, peço-te, do teu livro, que tens escrito. "

Moisés estava disposto a perder a sua vida pelo seu povo, mesmo sendo eles culpados de uma terrível rebelião. Apesar de ser apedrejado até a morte, Estevão seguiu o exemplo do Senhor, orando pela salvação dos seus carrascos: “E apedrejaram a Estevão que em invocação dizia: Senhor Jesus, recebe o meu espírito.

E, pondo-se de joelhos, clamou com grande voz: Senhor, não lhes imputes este pecado. E, tendo dito isto, adormeceu. “(Atos 7:59-60).

Estava entre aqueles que mataram Estevão um jovem chamado Saulo de Tarso. Sua salvação foi uma resposta à oração de Estêvão. Anos mais tarde, o apóstolo Paulo comunicará a profundidade de sua preocupação com o seu povo Israel. Em Romanos 9, Paulo diz algo muito parecido com o que Moisés disse:

"Em Cristo digo a verdade, não minto (dando-me testemunho a minha consciência no Espírito Santo):

Que tenho grande tristeza e contínua dor no meu coração.Porque eu mesmo poderia desejar ser anátema de Cristo, por amor de meus irmãos, que são meus parentes segundo a carne.

Irmãos, o bom desejo do meu coração e a oração a Deus por Israel é para sua salvação.(Romanos 9:1-3; 10:1)

Seus irmãos, segundo a carne, irmãos judeus, foram os mesmos que perseguiram-no tão severamente, interrompendo o seu trabalho, e chegaram até mesmo planejar seu assassinato. E ainda assim ele os amava e pedia a Deus que lhes mostra-se misericórdia.

Deus honrou as orações dos homens para com as almas dos perdidos; Ele vai honrar as suas também. Seja amigo ou inimigo, seja moral ou imoral, se você conhece-os ou não, ore pelos perdidos!

Abra a boca em amor e compaixão para lhes dizer a verdade. Fale a respeito do juízo de Deus por suas ofensas pessoais contra a sua santidade, mas em seguida, diga a boa notícia.

Só há salvação da ira eterna de Deus em Jesus Cristo, basta se arrepender e crer. Uma vez que você lhes disse a verdade, continue orando por eles e confie em Deus que dará os resultados. Você vai se alegrar ao ver como Deus pode usá-lo e como Ele salva as pessoas de seus pecados e dando a eles uma nova vida em Seu Filho.

Por John MacArthur

Via Teor Lógico.

veja também