Alimentação contra o envelhecimento

Alimentação contra o envelhecimento

Atualizado: Segunda-feira, 28 Julho de 2008 as 12

Alimentos antioxidantes retardam os efeitos nocivos dos radicais livres

O envelhecimento é um processo natural, mas é temido pela maioria das pessoas. Ele acontece porque 95% do oxigênio que nosso corpo absorve é utilizado para produção de energia e o restante resulta na produção de radicais livres, os grandes vilões do envelhecimento. "Além disso, a exposição contínua a poluentes, tabagismo, consumo de bebidas alcoólicas, exposição ao sol, uso de medicamentos e consumo constante de alimentos com agrotóxicos também aumentam significativamente a produção de radicais livres no nosso corpo", afirma Juliana Garcia, nutricionista da Clínica Contato.

Para combater essa grande quantidade de radicais livres a que nosso corpo está exposto, o organismo precisa de defesas antioxidantes, formadas por diversas vitaminas, minerais e outras substâncias presentes nos alimentos. Como disse Hipócrates, pai da medicina moderna: "Deixe o alimento ser sua medicina e a medicina ser seu alimento".

A ciência já comprova a existência de alimentos funcionais, que além de fornecerem energia para o corpo e uma nutrição adequada, ainda trazem benefícios à saúde, prevenindo doenças e aumento a expectativa de vida. "Na verdade, todo alimento que não é processado industrialmente pode ser classificado como 'funcional', já que contêm, em doses variáveis, componentes essenciais à nossa saúde. Entretanto, existem alguns alimentos com maior quantidade de substâncias protetoras da saúde", explica a nutricionista. Dentre esses componentes, existem duas substâncias com alto poder antioxidante e aliados na luta contra o envelhecimento: flavonóides e ômega 3.

Os flavonóides atuam como neutralizadores de radicais livres. "A atividade metabólica natural produz 'lixo' metabólico que o organismo nem sempre consegue eliminar devidamente. Os flavonóides representam uma fonte viável de eliminação desse lixo e tonam mais lento o processo de envelhecimento celular", explica a Juliana Garcia.

O ômega 3, por sua vez, é uma gordura essencial, que precisamos consumir em nossa dieta. Tem funções muito benéficas para a saúde do coração, pois reduz os níveis de triglicerídeos e colesterol no sangue, diminuindo a pressão arterial. Além disso, a falta de ômega 3 está relacionada a problemas de pele, depressão, artrite e tensão pré-menstrual. "A base da saúde é a escolha alimentar e consumir alimentos adequadamente não significa aumentar gastos no orçamento doméstico", garante a nutricionista.

Saiba onde encontrar esses dois aliados contra o envelhecimento:

Ômega 3

Peixes de água fria (atum, sardinha, arenque, salmão) Semente e óleo de linhaça Flavonóides Cacau Chás verde ou branco Vinho Suco de uva Açaí e amora

veja também