Babek aposta na popularização dos kebabs entre os paulistanos

Babek aposta na popularização dos kebabs entre os paulistanos

Atualizado: Quarta-feira, 17 Março de 2010 as 12

Se depender da experiência (e da empolgação) dos sócios, o Babek já nasce destinado a crescer.  A nova kebaberia de São Paulo, localizada no bairro de Moema, é o resultado da união do investidor Benny Rubinsztejn com Carlos Souccar, que atuou durante dois anos no Buffet Charlô nas áreas comercial e administrativa, e Henry Jehuda, proprietário de cinco franquias da rede Yoi! - Rolls & Temaki.

"Temos um enorme mercado para explorar. É só comparar o número de temakerias na cidade (só a Yoi! tem 22 lojas na capital) e o de kebaberias (não mais que dez). Nossa ideia é abrir mais unidades, em outros bairros", afirma Carlos. Ele assina com Dudu Boerger, ex-Allez Allez e atual chef do Le French Bazar, o cardápio da casa, que tem clássicos da culinária do Oriente Médio, como kafta, falafel (foto ao lado), babaganuche, tabule e couscous, mas destaca especialmente os kebabs - enrolados em um crocante pão folha ou no prato.

A casa serve kebabs grandes, generosos, mas ainda assim menores dos que é possível comer na Europa, onde são populares por matar a fome a qualquer hora do dia. O döner kebab é uma adaptação dos alemães, que adicionaram pão, salada e repolho ao prato turco - um espetinho de carne grelhada ou assada. "O kebab lá é nosso dogão", explica Benny, que aposta na popularização do sanduíche entre os paulistanos. No Babek, porém, a atmosfera não é de boteco pé-sujo como nos países europeus. A decoração e a trilha sonora lembram mais a de um café moderno, com mesas pequenas e um sofá vermelho cobrindo toda uma parede.

Na entrada do pequeno salão principal do kebab bar é possível ver por trás do balcão os dois espetos giratórios onde é assada a carne de cordeiro que recheia o carro-chefe da casa, o Babek (kebab de cordeiro, pesto de hortelã, rúcula e cebolas grelhadas - R$ 19). Ele chega à mesa, assim como os demais kebabs, acompanhado de dips de hortelã e de pimenta e tahine. As outras opções de recheios são: falafel (R$ 15), kafta de filé (R$18), frango ao curry (R$ 15), linguiça de cordeiro (R$ 18), abobrinha com clancliche (R$ 14) e berinjela com cebola roxa (R$ 14).

Antes de provar um kebab, uma boa pedida é dividir o Trio Mezze (R$ 18), formado por coalhada seca, homus e um excelente babaganuche. A entrada vem com uma seleção de pães árabes e é suficiente para três pessoas. Já as cestinhas de massa fillo (R$ 13), com recheios de chancliche e tomatinho confitado e de cogumelos salteados, são bem mais sem-graça do que o falafel aperitivo (R$ 16, com oito unidades).

Seleção de doces árabes, knafe e bolo de semolina com água de rosas são as sobremesas mais tradicionais do Babek, que também inclui no cardápio os populares cheesecake e brownie com sorvete de creme.

Babek

Av. Rouxinol, 605, Moema

Tel.: (11) 5051- 6781

www.babekkebab.com.br

Postado por: Felipe Pinheiro

veja também