Comer prestando atenção em cada garfada ajuda a emagrecer

Comer prestando atenção em cada garfada ajuda a emagrecer

Atualizado: Segunda-feira, 22 Novembro de 2010 as 9:56

A mania de crianças e adolescentes fazerem refeições e assistirem televisão ao mesmo tempo e de adultos comerem enquanto trabalham na frente do computador está se tornando muito mais comum do que deveria. Além de não ser saudável e diminuir a convivência entre os membros da família, o hábito é considerado uma ameaça ao processo de emagrecimento. "Ao fazermos isso, consumimos uma enorme quantidade de calorias sem perceber e só paramos quando estamos empanturrados", alerta a nutricionista Ligia Henriques.

A solução é reservar um tempo para sentar à mesa e prestar atenção em tudo o que está sendo ingerido. "Quando o contato com o alimento é direto e consciente, fica mais fácil perceber o que se está comendo, quanto e por que", explica a terapeuta Ana Kiyan. Adotar essa atitude significa ganhar mais um aliado na luta pela redução do peso.

Uma das razões pelas quais voltar a atenção para o prato ajuda a emagrecer é que, quando olhamos para os alimentos, estimulamos a chamada saciedade visual. O homem sempre precisou ter contato visual com a comida, até para controlar o amadurecimento de frutas e verduras. "Sem isso, essa saciedade não acontecerá. É que nem quando a gente come o dia inteiro e tem a impressão de que não comeu nada", diz Lígia.

Outro fator é que comer de forma atenciosa faz com que se coma mais devagar, o que, comprovadamente, faz com que se coma menos. A nutricionista Ligia explica que a partir da primeira garfada, o cérebro demora cerca de 20 minutos para registrar a sensação de saciedade. "Devemos dar tempo para o organismo fazer a sua parte. Senão, acabaremos comendo demais".

Os benefícios de saborear com calma os alimentos vão mais além. Um movimento internacional sem fins lucrativos chamado Slow Food, algo como "Alimentação Lenta", em inglês, lista cinco vantagens da prática: 1) Perda de peso; 2) Aumento do prazer na experiência gastronômica; 3) Melhoria da digestão, já que, quanto mais se mastiga, menos trabalho se deixa para o estômago; 4) Diminuição do estresse porque comer devagar pode ser um bom exercício de concentração; 5) Distanciamento da filosofia da vida agitada, que, segundo a organização, destrói os nossos hábitos, penetra na privacidade dos nossos lares e nos obriga a comer fast food.

Dicas para comer devagar

- Destine, pelo menos, 30 minutos para cada refeição;

- Não vá para a mesa morrendo de fome, senão vai acabar devorando tudo o que vê pela frente rapidamente;

- Coma primeiro as folhas verdes, que exigem várias mastigadas;

- Mastigue tudo muito bem antes de engolir;

- Apanhe pequenas garfadas. Com a boca menos cheia, a superfície da língua fica mais exposta à comida, o que aumenta a percepção dos gostos;

- Largue os talheres no prato enquanto estiver mastigando. Assim, vai impedir a vontade de pegar mais comida na sequência;

- Crie um ambiente relaxante para fazer suas refeições. Músicas calmas, boas companhias e conversas tranquilas podem ajudar.

veja também